20 coisas que sabemos (e que não sabemos) sobre o aguardado iPhone 6

A Apple deve anunciar o iPhone 6 no dia 9 de setembro. Veja o que já sabemos sobre o novo smartphone

181302012-1024x682

O iPhone 6 vem aí. Segundo diversos relatos, a Apple se prepara para anunciá-lo em 9 de setembro. E, ao que parece, serão dois modelos – um de 4,7 e outro de 5,5 polegadas. O smartphone deve trazer novo design e diversos aperfeiçoamentos. Embora possa haver surpresas, ao menos uma parte das novidades já é conhecida. Confira a seguir.

Dois tamanhos

A Apple é a única fabricante que produz smartphones avançados com tela de menos de 4,5 polegadas. Mas isso deve mudar com o lançamento do iPhone 6. A empresa já sabe que o consumidor quer telas maiores. Por isso, segundo diversas fontes, o iPhone 6 será oferecido nos tamanhos 4,7 e 5,5 polegadas (ao lado do iPhone 5s nesta ilustração). Este último pode se chamar iPhone 6L.

Super-Retina

Sendo maior, a tela do iPhone 6 terá de ter mais pixels que a do iPhone 5s para que ofereça boa qualidade visual. Espera-se que a Apple multiplique por 1,5 tanto a resolução horizontal como a vertical da tela. O resultado seria umatela “super-Retina” de 1.704 x 960 pixels. A tela continuaria tendo proporção 16:9 e os apps atuais seriam ampliados para ocupá-la inteira. Eles teriam alguma perda de qualidade visual até que seus autores criassem novas versões, já feitas para a tela maior.

Safira

Sendo maior, a tela do iPhone 6 terá de ter mais pixels que a do iPhone 5s para que ofereça boa qualidade visual. Espera-se que a Apple multiplique por 1,5 tanto a resolução horizontal como a vertical da tela. O resultado seria umatela “super-Retina” de 1.704 x 960 pixels. A tela continuaria tendo proporção 16:9 e os apps atuais seriam ampliados para ocupá-la inteira. Eles teriam alguma perda de qualidade visual até que seus autores criassem novas versões, já feitas para a tela maior.

Novo desenho

O desenho do iPhone – com superfícies planas, laterais retas e arestas chanfradas – é basicamente o mesmo desde o lançamento do iPhone 4, em 2010. Mas imagens que têm aparecido na internet sugerem que o iPhone 6 terá novo design, com bordas arredondadas. A moldura em torno da tela deve ficar mais estreita. É um desenho que lembra mais o do iPad mini que o do iPhone 5s.

Mais fino

Fotos de supostas peças do iPhone 6 indicam que tanto o modelo de 4,7 polegadas como seu irmão maior, de 5,5 polegadas, serão mais finos que os modelos atuais do iPhone. A espessura deve ficar entre 6 e 7 milímetros. Nesse aspecto, o iPhone 6 seria parecido com o iPod touch, que tem 6,1 milímetros de espessura.

Botões

Se as fotos de peças do iPhone 6 que circulam na web forem verdadeiras, a Apple vai mover o botão liga/desliga da borda superior para a lateral. Nessa posição, será mais fácil manuseá-lo com uma só mão. As fotos também indicam que os botões de volume terão novo formato e ficarão ligeiramente rebaixados. Já o botão Mudo, que é deslizante nos modelos atuais, deverá ser uma chave basculante no iPhone 6. Assim, seria mais fácil acomodá-lo na borda fina e arredondada do novo smartphone.

Conector USB reversível

Dois vídeos publicados no YouTube mostram o que seria um novo cabo de dados que a Apple estrearia no iPhone 6. Numa das pontas há um conector Lightning igual ao usado no iPhone 5s. Na outra ponta fica um conector USB reversível, que pode ser acoplado em qualquer posição. Ele é compatível com as tomadas USB comuns, encontradas em computadores e carregadores de bateria. Não há como confirmar isso, mas os vídeos parecem ser autênticos.

Maçã

Fotos de peças indicam que o iPhone 6 terá o logotipo da Apple feito de um metal diferente do que é empregado no corpo do smartphone – como acontece nos modelos atuais do iPad. Inicialmente, houve rumores de que o logotipo seria iluminado. Mas imagens que surgiram depois mostram um logotipo feito de metal.

Câmera

Sabemos muito pouco sobre as câmeras do iPhone 6. Há rumores dizendo que pelo menos o iPhone 6L, de 5,5 polegadas, terá estabilizador óptico de imagem. Uma imagem que circulou na web mostra um anel que ficaria em torno da câmera traseira (nesta foto). Nesse caso, ela seria saliente como no iPod touch. E há rumoresafirmando que a Apple subiria a resolução de 8 para 13 megapixels. Nada disso foi confirmado por fontes confiáveis. Então, fica a dúvida.

Flash redondo

A Apple parece estar abandonando o flash True Tone alongado usado no iPhone 5s. Ele tem dois LEDs de cores diferentes, que são ajustados para produzir iluminação de tom equilibrado. Em fotos que têm circulado na web, porém, o suposto chassis do iPhone 6 tem um orifício redondo para o flash. É possível que a Apple tenha combinado os dois LEDs numa unidade redonda.

Processador A8

Como acontece a cada nova geração, o iPhone 6 deve trazer um novo processador, que deve se chamar A8. Ele será mais potente que o atual A7, é claro. Algunsrumores dizem que vai trabalhar a 2 GHz, velocidade 54% superior à do A7, que funciona a 1,3 GHz.

Bateria

Diversas imagens de baterias descritas como sendo do iPhone 6 apareceram na web. Uma delas traz uma inscrição que informa que a capacidade é 1.810 mAh. É 16% maior que a da bateria do iPhone 5s, de 1.560 mAh. Mas a tela maior do iPhone 6 deve consumir mais energia que a do iPhone 5s. Por isso, não esperamos que haja melhora significativa na autonomia do smartphone.

Wi-Fi veloz

Um melhoramento bastante provável no iPhone 6 é a conexão Wi-Fi no padrão 802.11ac. Essa variante mais recente do Wi-Fi oferece mais que o dobro da velocidade do 802.11n, o padrão empregado no iPhone 5s. A Apple já usa o 802.11ac nos laptops MacBook e nos equipamentos de rede da série Airport Extreme. Assim, é natural que ela atualize também o iPhone e o iPad para que se conectem às redes sem fio nesse padrão.

NFC?

A conexão NFC é sempre mencionada entre as prováveis novidades do iPhone 6. Um diagrama(duvidoso) publicado num site chinês chega a especificar o chip que a Apple usaria para implementar esse recurso. O NFC serve para estabelecer conexões Bluetooth e para fazer pagamentos. Poderia ser parte da solução da Apple para pagamentos móveis. Mas essa expectativa já existia em 2012, antes do lançamento do iPhone 5. E, pelo menos até agora, a Apple tem rejeitado essa opção.

Touch ID

O sensor de impressões digitais Touch ID é a melhor inovação trazida pelo iPhone 5s. Ele deverá estar também no iPhone 6, com uma novidade importante: no novo sistema iOS 8, apps de terceiros também vão poder usar o Touch ID. O sensor poderá ser empregado para fazer login em sites da web e aplicativos que exigem autenticação. Isso vai reduzir a necessidade de digitar senhas.

iOS 8

A nova edição do sistema operacional iOS vai estrear no iPhone 6 e poderá ser instalada também em outros dispositivos da Apple (mas alguns não terão todos os recursos do sistema). O iOS 8 traz uma longa lista de novidades. Entre elas estão o app de saúde Health, o app Mensagens redesenhado, a central de notificações interativa, um calendário familiar, teclados personalizados e uma lista de contatos com quem o usuário se comunicou recentemente.

Datas

Várias fontes não oficiais têm apontado que o anúncio do iPhone 6 será em 9 de setembro, uma terça-feira. Se essa data se confirmar, ao menos o modelo de 4,7 polegadas deve começar a ser vendido na semana seguinte nos Estados Unidos e em outros países. Já a chegada ao Brasil costuma demorar dois meses ou mais. Deve acontecer em novembro ou dezembro.

iPhone 6L

Alguns relatos apontam que o iPhone 6 de 5,5 polegadas pode demorar um pouco mais que o de 4,7 polegadas para chegar às lojas. O motivo seriam dificuldades logísticas e de fabricação. Se isso for verdade, é possível que esse modelo maior, apelidado de iPhone 6L, só comece a ser vendido em outubro ou novembro.

Preços

Se a Apple seguir seu padrão habitual em lançamentos, o preço do iPhone 6 de 4,7 polegadas não será muito diferente do que custa, hoje, o iPhone 5s (de 2.799 a 3.599 reais, dependendo da capacidade). Já o iPhone 6L, de 5,5 polegadas, será provavelmente mais caro. Peter Misek, analista de mercado da empresa Jefferies, afirma que a Apple terá um modelo consideravelmente mais caro que o iPhone 5s. Presume-se que ele esteja falando do iPhone 6L.

iPhone 5s e 5c

Se a Apple seguir seu padrão habitual em lançamentos, o iPhone 5s deve continuar sendo vendido após a chegada do iPhone 6 e seu preço deve cair um pouco. Há dúvidas sobre a sobrevivência do iPhone 5c, mas é provável que a Apple o mantenha como opção mais barata. Já o iPhone 4s é forte candidato a ser descontinuado. É o único dispositivo da Apple ainda com tela de 3,5 polegadas e o único que ainda usa o conector de dados de 30 pinos lançado pela empresa há 11 anos.

iPad

Nos últimos dois anos, a Apple apresentou novos modelos do iPhone em setembro e uma nova geração do iPad em outubro. A menos que haja alguma surpresa, esse calendário deve ser mantido neste ano. Pelo que sabemos, os novos modelos do iPad serão parecidos com os atuais. Trarão aperfeiçoamentos como o sensor de impressões digitais Touch ID, presente no iPhone 5s.

iWatch

É certo que a Apple tem uma equipe desenvolvendo um relógio inteligente. A empresa contratou profissionais para trabalhar no projeto e registrou a marca iWatch em diversos países. Mas não há indícios de que o produto esteja perto de ser lançado. É possível que a Apple surpreenda o mercado apresentando o iWatch neste ano. Mas é também possível que ele fique para 2015.

 

 

Fonte: Exame

 

 

 

Compartilhar: