ABC tenta quebrar incômodo jejum de 31 dias sem conseguir ganhar

Retorno de Somália é a novidade do ABC para a partida de logo mais

Equipe de Zé Teodoro não vence há 30 dias e precisa vencer o Ceará hoje. Foto: Divulgação
Equipe de Zé Teodoro não vence há 30 dias e precisa vencer o Ceará hoje. Foto: Divulgação

O ABC tentará quebrar hoje o jejum de 31 dias sem vitórias. O último triunfo alvinegro foi contra o Joinville no dia 18 de julho, no estádio Frasqueirão. Apesar do jogo desta noite ser contra o líder Ceará, o técnico Zé Teodoro contará com o time completo e está motivado para a partida marcada para às 19h30, no estádio Presidente Vargas, na cidade de Fortaleza (CE).

O treinador abecedista relacionou 20 atletas para o confronto e a novidade é o retorno do volante/meia Somália, recuperado de uma luxação no ombro. “Será um jogo muito difícil contra o líder da Série B e na casa dele, mas o ABC vem evoluindo e esperamos fazer uma grande partida e voltar a vencer”, disse Zé Teodoro que terá as opções de Rogerinho, Júnior Timbó e Júnior Xuxa na criação das jogadas, além de Somália.

Vindo de derrota para o Vasco, o torcedor do Ceará teme que o fracasso abale o elenco para a sequência do Campeonato Brasileiro da Série B. Para o confronto, o técnico Sérgio Soares comemora o fato de poder contar com todo o elenco. Recuperado de uma gripe, o volante Ricardinho está 100% e espera ajudar o time a conquistar a vitória para se manter na ponta da classificação.

RETROSPECTO

De acordo com os arquivos de Marcos Trindade, ABC x Ceará já se enfrentaram 39 vezes em competições nacionais. O Vovô venceu 19 jogos, enquanto o Mais Querido apenas sete vezes, foram 13 empates. Os cearenses marcaram 58 gols contra 35 dos potiguares. Saldo negativo para os natalenses de 23 gols. Foram 18 jogos pela Série B, nenhuma vitória do ABC. Doze jogos pela Copa do Nordeste, quatro vitórias – duas em 2000, uma em 2010 e a outra em 2013. Três partidas pela Série A, uma vitória em 1977. Três jogos pela Taça Brasil, nenhuma vitória do ABC e três pelo Nordestão, uma vitória em 1969. Ao todo foram 22 jogos em Fortaleza com três vitórias do ABC e 17 em Natal com quatro vitórias.

CEARÁ: Luis Carlos, Samuel Xavier, Anderson, Sandro e Hélder Santos; João Marcos, Ricardinho, Eduardo e Nikão; Bill e Magno Alves. Técnico: Sérgio Soares

ABC: Gilvan, Renato, Suéliton, Marlon e Patrick; Fábio Bahia, Daniel Amora, Somália (Júnior Timbó) e Rogerinho; João Paulo e Dênis Marques. Técnico: Zé Teodoro

Árbitro: Marcos A. G. da Penha (ES)

Assistentes: Leonardo M. (ES) e Carlos Eduardo do R. Depizzol

Local: E. Presidente Vargas (CE)

Horário: 19h30

Compartilhar:
    Publicidade