Acusado de agressão sexual, diretor de “X-Men” cancela participação na estreia

O diretor de cinema norte-americano Bryan Singer, mundialmente conhecido pela saga "X-Men", anunciou que não participará da promoção de seu filme por responder a acusações de agressão sexual.

download

O diretor de cinema norte-americano Bryan Singer, mundialmente conhecido pela saga “X-Men”, anunciou que não participará da promoção de seu filme por responder a acusações de agressão sexual.

Michel Egan III, um homem de 31 anos, acusa Singer de tê-lo obrigado a manter relações sexuais com ele durante várias festas na Califórnia e no Havaí no final dos anos 1990, quando Egan ainda era menor de idade.

O diretor de “X-Men” declarou que a demanda judicial apresentada contra ele na semana passada no Havaí era “uma tentativa deturpada de extorsão” de dinheiro a poucas semanas da estreia comercial de “X-Men: Days of Future Past”.

Com o intuito de não atrapalhar os eventos de promoção do novo episódio da saga, Singer decidiu não fazer aparições públicas “em respeito às contribuições de atores de grande talento”.

 

Fonte: MSN.com

Compartilhar:
    Publicidade