Adolescente é agredido por moradores e amarrado a poste após roubo

Polícia autuou jovem amarrado a poste for furto; o dono do estabelecimento comercial, que teria espancado o suspeito, responderá por agressão

Moradores da região teriam, então, prendido e amarrado o adolescente a um poste, próximo à Estrada da Posse. Policiais militares que passavam pelo local libertaram o jovem e o levaram ao Hospital Municipal Rocha Faria, no bairro vizinho de Campo Grande. Depois de ser liberado pelos médicos, o adolescente foi encaminhado à Delegacia de Campo Grande (35ª DP), juntamente com o proprietário do estabelecimento comercial. Polícia autua jovem por furto e dono de loja por agressão A Polícia Civil autuou, por lesão corporal, o dono de um trailer que agrediu e amarrou o jovem a um poste. O adolescente foi autuado pelo cometimento de infração análoga ao crime de tentativa de furto. Já o dono do trailer, após a autuação por lesão corporal, assinou termo circunstanciado. O caso será encaminhado ao Juizado Especial Criminal. No mês passado, um caso semelhante ganhou ampla divulgação nas redes sociais. Na ocasião, um adolescente de 15 anos, suspeito de assaltar pedestres no bairro do Catete, zona sul da cidade do Rio, foi agredido e amarrado nu a um poste, por justiceiros. Foto:Divulgação
 

Moradores da região teriam, então, prendido e amarrado o adolescente a um poste, próximo à Estrada da Posse. Policiais militares que passavam pelo local libertaram o jovem e o levaram ao Hospital Municipal Rocha Faria, no bairro vizinho de Campo Grande.

Depois de ser liberado pelos médicos, o adolescente foi encaminhado à Delegacia de Campo Grande (35ª DP), juntamente com o proprietário do estabelecimento comercial.

Polícia autua jovem por furto e dono de loja por agressão

A Polícia Civil autuou, por lesão corporal, o dono de um trailer que agrediu e amarrou o jovem a um poste. O adolescente foi autuado pelo cometimento de infração análoga ao crime de tentativa de furto. Já o dono do trailer, após a autuação por lesão corporal, assinou termo circunstanciado. O caso será encaminhado ao Juizado Especial Criminal.

No mês passado, um caso semelhante ganhou ampla divulgação nas redes sociais. Na ocasião, um adolescente de 15 anos, suspeito de assaltar pedestres no bairro do Catete, zona sul da cidade do Rio, foi agredido e amarrado nu a um poste, por justiceiros.

Fonte:Terra

Compartilhar: