Adriano volta a Curitiba e tenta esfriar polêmica por temporada no Rio

Na última quarta Adriano esteve em uma churrascaria do Rio de Janeiro e encontrou o amigo David Brazil

Na última quarta Adriano esteve em uma churrascaria do Rio de Janeiro e encontrou o amigo David Brazil. Foto:Divulgação
Na última quarta Adriano esteve em uma churrascaria do Rio de Janeiro e encontrou o amigo David Brazil. Foto:Divulgação

Adriano está de volta a Curitiba. A assessoria de imprensa do atacante divulgou, por meio do Twitter, que o jogador desembarcou no Aeroporto Afonso Pena, na capital paranaense, no início da tarde desta quinta-feira. Ele é aguardado desde a semana passada nas dependências do Atlético-PR, clube que disponibilizou a sua estrutura para a recuperação física do jogador.

O atacante, de 31 anos e que não atua desde o dia 4 de março de 2012, quando ainda defendia o Corinthians, deveria ter se reapresentado na quinta-feira da última semana no CT do Caju. Ele, no entanto, teve a sua folga ampliada para conhecer e registrar Lara, a sua terceira filha, mas também foi visto em uma casa noturna na madrugada de sexta.

O atacante, então, ganhou a última segunda como novo prazo para se reapresentar, mas, novamente, não apareceu em Curitiba, assim como nos dois últimos dias. Agora, novamente em solo paranaense, a expectativa é que ele volte e treinar nas instalações do clube nas próximas horas.

Adriano e Atlético iniciaram um “namoro” no dia 3 de dezembro do ano passado. Desde então, ele passou a utilizar os seus perfis nas redes sociais para divulgar fotos e até vídeos da sua rotina no CT do Caju e nas demais dependências do clube paranaense. Em muitas oportunidades, o atacante destacava a intensidade dos treinos e mostrava satisfação com a oportunidade que lhe foi proporcionada.

Apesar de ter cometido o primeiro deslize desde que chegou ao clube faltando à reapresentação da última quinta, Adriano ganhou apoio de Mario Celso Petraglia, presidente do Atlético. No mesmo dia, em entrevista à rádio oficial do clube, o mandatário disse: “queremos e continuaremos ajudando para que ele dê a volta por cima”.

Caso Adriano volte a treinar e mostre a evolução esperada pela comissão técnica do clube, ele assinará contrato até o fim desta temporada com o Atlético. No entanto, a tendência é que isso também dependa de uma classificação do time rubro-negro à fase de grupos da Copa Libertadores.

Na noite da última quarta, o Atlético-PR foi derrotado pelo Sporting Cristal, do Peru, em duelo válido pela primeira fase da competição. O confronto da volta acontecerá no próximo dia 6 e, para se classificar, o time paranaense precisa de uma vitória simples (1 a 0) ou um triunfo por dois gols de diferença.

Fonte:Terra

Compartilhar:
    Publicidade