Alagamentos e casas desabando, Defesa Civil foi acionada oito vezes

Caso as chuvas persistam ou aumentem, a residência será interditada e a família remanejada para outra moradia

Foto: Via Certa Natal
Foto: Via Certa Natal

Em virtude das fortes chuvas verificadas na cidade, o Departamento de Defesa Civil da Prefeitura de Natal atendeu na manhã desta quinta-feira (29) oito ocorrências na capital, sendo sete na zona Norte e uma na zona Leste. Conforme o diretor da Defesa Civil, Eugenio Soares, as ocorrências na zona Norte foram causadas por alagamentos no bairro da Redinha e nos loteamentos Nova República, Novo Horizonte e Parque Floresta.

Por intermédio da Secretaria do Gabinete do Prefeito, a Defesa Civil acionou outras secretarias municipais, como a Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana), para reforçar a operação na zona Norte, no sentido de amenizar a situação das comunidades. No período vespertino, a intervenção será executada com a instalação de bombas hidráulicas e uma retroescavadeira.

Na comunidade do Jacó, em Petrópolis, na zona Leste, a Defesa Civil visitou uma residência que teve princípio de deslizamento. Nesta situação, a família foi orientada a procurar uma casa de parentes. Caso as chuvas persistam ou aumentem, a residência será interditada e a família remanejada para outra moradia.

Ainda segundo Eugenio Soares, não houve grandes danos na cidade em decorrência das chuvas. Ele disse que as bombas instaladas em lagoas de captação estão funcionando normalmente. Duas viaturas, sendo uma do Grupo de Ação em Emergência (GAE), com cinco agentes, estão verificando as ocorrências nos locais.

Compartilhar:
    Publicidade