Alunos usam cadeado para trancar professores para vandalizar escola

Foram danificadas mesas, cadeiras, ventilador e lixeira de escola estadual em Ituiutaba

Direção da escola tenta identificar alunos envolvidos na confusão. Foto:Divulgação
Direção da escola tenta identificar alunos envolvidos na confusão. Foto:Divulgação

Alunos da Escola Estadual Maria de Barros, em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, aproveitaram a hora do recreio para intimidar professores e vandalizar o colégio na manhã desta quarta-feira (12).

Dez professores estavam na sala destinada ao café quando foram surpreendidos por dez estudantes por volta das 10h30. Os jovens, com idades entre 14 e 17 anos, trancaram a porta com um cadeado para impedir a saída dos docentes. Em seguida, provocaram tumulto nas salas, reviraram mesas e cadeiras e quebraram um ventilador de teto e lixeiras.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para cortar o cadeado. Segundo o sargento Gionaldo Balduino da Silva, do 9º Pelotão, uma das professoras passou mal por ficar trancada por meia hora.

“A ação dos bombeiros foi o corte do cadeado e liberação dos dez professores. Uma delas estava bastante nervosa, porque toma remédios controlados, e foi conduzida para atendimento”.

A Polícia Militar e a direção da escola tentam identificar os alunos envolvidos na confusão. Como a escola só funciona nos turnos da manhã e noite, nenhum funcionário foi encontrado pela reportagem na tarde desta quarta-feira (12).

Segundo a Secretaria Estadual de Educação, a Superintendência Regional de Ensino vai se reunir com os pais dos cerca de 10 alunos que provocaram o tumulto – assim que eles forem identificados – para fazer um trabalho pedagógico sobre conflitos no ambiente escolar. O material danificado será reposto o mais breve possível, de acordo com a secretaria.

Fonte:R7

Compartilhar: