Americana de 17 anos cria empresa de 250 milhões de dólares

Bella Weems fundou a Origami Owl para comprar um carro usado e hoje conta com rede de revendedores nos EUA

Todos os negócios surgem por uma motivação. A da americana Isabella Weems, conhecida como Bella, era comprar um carro usado. Com a Origami Owl, plataforma online de joias, ela conseguiu bem mais que isso: em 2012, a empresa ganhou US$ 25 milhões. Neste ano, a expectativa é de um faturamento de US$ 250 milhões.

A Origami Owl foi criada em 2010. Na época, Bella tinha 14 anos e decidiu que um carro seria um presente apropriado para seu aniversário de 16 anos – nos Estados Unidos, essa idade tem uma aura parecida com a das debutantes brasileiras. Só que, em vez de pedir o carro de presente, ela decidiu que juntaria dinheiro. Seus pais sugeriram que ela abrisse sua própria empresa.

O investimento inicial de Isabella Weems foi de US$ 350 (Foto: Divulgação)
O investimento inicial de Isabella Weems foi de US$ 350 (Foto: Divulgação)

O investimento inicial na Origami Owl foi de US$ 350, dinheiro ganho por Bella em trabalhos como babá. Ela começou a fazer joias e contou com a ajuda de família e amigos para vendê-las para conhecidos. Em 2010, durante a Black Friday, ela conseguiu abrir um quiosque no shopping de sua cidade natal, Chandler, no Arizona. “A partir daí, o produto começou a vender sozinho”, disse ela à revista Forbes.

No ano seguinte, já na internet, a Origami Owl começou a trabalhar com consultores, que compram as joias e as revendem. A principal forma de venda das joias é em “bares de joias”, nome dado pela empresa a festinhas na casa dos revendedores.

Por enquanto, Bella não está administrando a empresa sozinha. Ela conta com a ajuda de sua mãe, Chrissy, alguns parentes e executivos com passagem por grandes empresas do setor de beleza. Por outro lado, Bella já realizou aquele sonho de três anos atrás, já que Bella é a feliz proprietário de um carro da Jeep novinho.

 

 

Fonte: Revista Empresas & Empresários

Compartilhar: