Após arrecadar mais que o necessário, Genoino doa R$ 30 mil para Delúbio

O site de Genoino recebeu cerca de R$ 94 mil a mais do que era necessário para pagar a multa

Delúbio Soares deixa o Centro de Progressão de Pena (CPP) para trabalhar na CUT nacional. Foto:Divulgação
Delúbio Soares deixa o Centro de Progressão de Pena (CPP) para trabalhar na CUT nacional. Foto:Divulgação

Após arrecadar mais dinheiro que o necessário para pagar a sua multa do mensalão, o ex-presidente do PT José Genoino decidiu nesta quarta-feira (29) doar R$ 30 mil para a campanha on-line de Delúbio Soares, ex-tesoureiro do partido.

Em um esforço anterior ao de Delúbio, o site criado para ajudar Genoino arrecadou R$ 761 mil, mais que o necessário para pagar a multa de R$ 667,5 mil. Com a doação do colega de sigla, o ex-tesoureiro já recebeu, ao todo, mais de R$ 400 mil.

O site de Genoino recebeu cerca de R$ 94 mil a mais do que era necessário para pagar a multa, estipulada em R$ 667,5 mil pela VEP (Vara de Execuções Penais) do Distrito Federal. Por isso, eles decidiram doar parte desse dinheiro à campanha do colega. O restante será usado para cobrir despesas tributárias.

De acordo com o coordenador do setorial jurídico do PT, Marco Aurélio Carvalho, o método será replicado para as demais campanhas criadas: sempre que for arrecadado valor superior, a sobra será doada para o próximo petista a ter um site.

Antes dessa decisão, foi considerado dar outro destino ao dinheiro que sobrou das doações a Genoino. No último dia 19, a defesa do petista havia informado que o valor excedente seria depositado –juntamente com os R$ 667,5 mil da multa– no Fundo Penitenciário Nacional, que é utilizado para construção, reforma e ampliação de prisões.

A expectativa é que José Dirceu seja o próximo a ter uma campanha. Segundo Carvalho, um grupo de apoiadores do ex-ministro já está organizando a página. Em seguida, será a vez de João Paulo Cunha.

O site para Delúbio já alcançou mais de 85% do valor da multa. O ex-tesoureiro tem que pagar R$ 466.888,90 até a próxima sexta-feira (31). Ele cumpre pena de seis anos e oito meses em regime semiaberto por corrupção ativa.

A página ”Solidariedade a Delúbio Soares” foi criada no último dia 21, após o sucesso da campanha “Parceiros da família Genoino”.

Fonte:Uolk

Compartilhar: