Após confirmação de óbito por dengue, Natal está na área de risco

A SMS orienta à população que em caso de dois ou mais sinais como, febre alta, dor de cabeça, dor nos olhos, dor nas articulações e músculos, dor abdominal, vômitos, sangramento entre outros sintomas, procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência

Natal encontra-se em médio risco para ocorrência de transmissão da doença. Foto:Divulgação
Natal encontra-se em médio risco para ocorrência de transmissão da doença. Foto:Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal, por meio do Departamento de Vigilância em Saúde informa à população que até o momento, foi notificado um óbito suspeito da doença, e o Índice de Infestação predial – IIP para o Aedes aegypti de 2,8%.

De acordo com a classificação entomológica, esta infestação indica que o município de Natal encontra-se em médio risco para ocorrência de transmissão da doença.

O Departamento de Vigilância em Saúde – DVS ressalta que, esse nível é de alerta, e, portanto está intensificando as notificações dos casos e suspeitas de dengue como, diagnóstico diferencial para sintomáticos compatíveis com o quadro clinico da doença, bem como solicitando a sorologia e isolamento viral para confirmação dos casos e monitoramento do sorotipo circulante.

A SMS orienta à população que em caso de dois ou mais sinais como, febre alta, dor de cabeça, dor nos olhos, dor nas articulações e músculos, dor abdominal, vômitos, sangramento entre outros sintomas, procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência.

Compartilhar:
    Publicidade