Após vexame, Felipão indica que deixará comando da seleção brasileira

Comandante deu indícios que não treinará mais o Brasil após a Copa do Mundo

Felipão concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira (9). Foto: Divulgação
Felipão concedeu entrevista coletiva nesta quarta-feira (9). Foto: Divulgação

Nesta quarta-feira (9) o técnico Luiz Felipe Scolari concedeu entrevista coletiva na Granja Comary, em Teresópolis, no Rio de Janeiro. Em meio a desculpas esfarrapadas tentando maquiar o massacre sofrido pela seleção diante da Alemanha, Felipão afirmou que passará tudo o que aconteceu na Copa para que o trabalho com os próximos treinadores tenha continuidade.

“Tudo que aconteceu no jogo de ontem na competição, nós vamos passar em formas de dados para a CBF, para que ela continue o trabalho com os próximos treinadores e com os jogadores e que todos consigam sempre melhorar”.

Ainda nesta quarta-feira, Felipão foi envolvido em uma nova polêmica. Wágner Ribeiro, empresário dos craques Neymar e Lucas, criticou bastante o treinador nas redes sociais e o chamou de velho, babaca e arrogante.

Com a possível e esperada saída de Felipão, os nomes de Tite e Muricy Ramalho já circulam nas redes sociais e surgem como os favoritos da torcida para assumir o comando da amarelinha.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade