Arena Ecomax deve oferecer meia entrada e cobrar carteira estudantil

Recentemente, a Justiça também determinou medida semelhante destinada aos eventos realizados pela Destaque

A Arena Ecomax, nova casa de shows localizada na praia de Pirangi, litoral sul do Estado, deve oferecer ingressos, obrigatoriamente, com 50% do seu valor original para estudantes devidamente identificados. A decisão é da 2ª Vara Cível de Parnamirim e foi proferida no último sábado (28).

A ação, impetrada pela União Norte-riograndesente de Estudantes (Urne), é mais uma vitória da entidade na defesa dos interesses da categoria. Recentemente, a Justiça também determinou medida semelhante destinada aos eventos realizados pela Destaque Promoções, outra iniciativa da Urne em prol dos estudantes.

Dessa vez, o processo foi destinado a B! Shows, AD Shows, 98 FM e Mídia Rádio FM Ltda (Jovem Pan Natal), empresas organizadoras dos eventos na Ecomax. Segundo a decisão judicial, caso não seja cumprida a determinação, a multa é de R$ 80 mil por cada espetáculo realizado.

“Os estudantes estavam sendo prejudicados por essa prática, que na verdade transforma esses eventos em festas de ingresso único, com o mesmo valor para todos, o que é ilegal diante da legislação. Essa é mais uma vitória da URNE na defesa dos interesses dos seus representados”, disse Thales Goes, assessor jurídico da instituição.

A Arena precisará oferecer ingressos com 50% do valor para os estudantes em todos os pontos de venda onde também são oferecidas as senhas no preço total, sempre cobrando a meia entrada de forma efetiva, documento que identifica os beneficiários. Também fica estipulado, em se tratando de senha antecipada ou promocional, caso haja desconto, que também se cobre apenas a metade deste valor.

Outra decisão atinge os ingressos comercializados para a área vip dos shows, também garantindo a meia entrada nestes espaços, desde que os estudantes apresentem sua carteira no momento da compra e no ingresso do consumidor no evento.

rhreth

Compartilhar: