Avião da Azul faz manobra emergencial para evitar colisão durante voo

Voo 5114 fazia trajeto de Campinas ao Rio de Janeiro. Por conta do incidente, Aeronáutica afastou controladores de voo

Controladores aéreos já foram dispensados. Foto:Divulgação
Controladores aéreos já foram dispensados. Foto:Divulgação
Controladores aéreos já foram dispensados. Foto:Divulgação
Controladores aéreos já foram dispensados. Foto:Divulgação

Um avião da companhia aérea Azul que viajava do aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), e Santos Dumont, no Rio de Janeiro, no voo 5114, precisou realizar uma manobra de emergência na tarde de quinta-feira para evitar uma colisão com outra aeronave, que seguia na mesma rota.

O outro avião envolvido no incidente não foi divulgado pela Aeronáutica. A manobra de emergência foi feita em área de responsabilidade do controle de tráfego de São Paulo. Os pilotos teriam sido avisados da possibilidade de colisão através do Sistema Anticolisão de Tráfego (TCAS), que teria sido acionado nas duas aeronaves.

Em nota, a Azul afirmou que o avião “teve que desviar seu percurso durante o trajeto por conta de outra aeronave, que seguia em rota próxima”. “A companhia esclarece que essa é uma ação preventiva e visa conferir a segurança de suas operações”, afirma a empresa.

A Aeronáutica confirmou a ocorrência, mas afirmou que não fornecerá detalhes sobre o incidente, já que abriu investigação para apurar o caso.

Segundo a Aeronáutica, os controladores de voo responsáveis pela aeronave da Azul foram afastados até que o incidente seja apurado, o que é praxe quando aberta uma investigação. O número de afastados não foi informado.

Fonte:Terra

Compartilhar: