Bebê para de respirar em voo e avião precisa fazer pouso de emergência

O menino, de 15 meses, recebeu massagem cardíaca a bordo e voltou a dar sinais de vida antes de ser levado a um hospital

Voo da US Airways foi interrompido para bebê ser socorrido no Texas. Foto:Divulgação
Voo da US Airways foi interrompido para bebê ser socorrido no Texas. Foto:Divulgação

Um avião da companhia US Airways, que ia de Tampa, na Flórida para Phoenix, no Arizona, fez um pouso de emergência em Houston, no Texas, para salvar a vida de um bebê que havia parado de respirar durante o voo. Passageiros que testemunharam o incidente contaram que o bebê foi inicialmente atendido a bordo por duas pessoas que tinham treinamento médico.

“Vi um homem segurando o bebê de cabeça para baixo. A pele dele estava roxa”, contou um passageiro.

Segundo uma emissora afiliada da CBS, um dos passageiros que socorreram o bebê durante o voo viu a mãe levantar o bebê pedindo ajuda. Garrett Goodwin disse que imediatamente levou o menino, de 15 meses, para a frente do avião. Após cerca de um minuto e meio de massagem cardíaca, o bebê voltou a dar sinais de vida.

“Quando a cor dele voltou, fiquei um pouco aliviado. Quando ele começou a chorar, fiquei extremamente aliviado porque um bebê que chora é um bebê que respira”, disse.

A decisão do piloto foi parar no aeroporto mais próximo, em Houston. Enquanto o avião se preparava para o pouso de emergência, um choro foi ouvido.”Estávamos todos muito tensos. Foi um momento emocionante para todos ouvir o choro daquele bebê”, contou uma passageira. O bebê foi levado para um hospital local. A companhia aérea não divulgou a identidade do bebê.

Fonte:IG

Compartilhar: