Bebedeira termina com um agricultor morto a golpes de machado

Acusado foi preso horas depois pela Polícia Militar

Agricultor estava bebendo junto com o suspeito quando foi atacado e morto. Foto: O Câmera
Agricultor estava bebendo junto com o suspeito quando foi atacado e morto. Foto: O Câmera

Uma discussão banal entre duas pessoas terminou com um agricultor morto a golpes de machado no pescoço, na área rural de Mossoró. O crime ocorreu durante uma bebedeira entre a vítima e o assassino, que foi preso horas depois pela Polícia Militar. Em Parnamirim, um homem de 25 anos foi executado com disparos na cabeça e tórax no bairro Monte Castelo, quando caminhava por uma rua. Em todo o Estado, foram registrados seis homicídios ontem.

Em Mossoró, um agricultor identificado apenas como “Rodrigo”, foi atacado e morto dentro de casa após se envolver em uma discussão com o caseiro José Medeiros dos Santos, de 49 anos. Conforme testemunhas, os dois estavam bebendo juntos quando brigaram e o acusado desferiu as machadadas no pescoço da vítima, que morreu no local. Após o crime, José tentou fugir em um cavalo, mas foi detido pela polícia.

Ele não explicou o que causou a discussão com a vítima, que morava na região há menos de dez dias e, no momento do crime, não portava nenhum documento de identificação com ele. Ambos trabalhavam juntos em uma propriedade rural e esta teria sido a primeira vez que eles discutiram. O assassinato foi registrado pela delegacia de Mossoró e José Medeiros foi autuado em flagrante por homicídio doloso.

Enquanto isso, na Região Metropolitana de Natal, Flávio Rosa da Silva, de 25 anos, foi executado com vários tiros no tórax e cabeça, após ser abordado por dois homens que se aproximaram dele e, sem dizerem nada, efetuaram os disparos. Sem chance de defesa, ele morreu no local, antes de ser socorrido pela equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que foi chamado pelas testemunhas. Ninguém foi detido ainda.

Compartilhar: