Bianca Rinaldi escapa de tiroteio no Rio: “Me abaixei no banco do carro e rezei”

Atriz falou sobre o momento em que passava de táxi pela Linha Amarela ao voltar das gravações de "Em Família", no sábado (11). "Agora, só de blindado"

Atriz foi surpreendida por tiroteio na linha amarela, RJ. Foto:Divulgação
Atriz foi surpreendida por tiroteio na linha amarela, RJ. Foto:Divulgação

Bianca Rinaldi falou sobre os momentos de tensão que viveu na tarde do sábado (11), ao passar pela Linha Amarela, no Rio de Janeiro.

Voltando de táxi do aeroporto Santos Dumont para casa após gravações da novela “Em Família”, da Globo, a atriz foi surpreendida por um tiroteio no caminho. “Eram cinco da tarde, luz do dia, sabadão e o trânsito estava parado. Passamos no meio da troca de tiros. O taxista começou a buzinar e dirigir na tentativa de sair o mais rápido possível dali. Eu só me abaixei no banco do carro e rezei: ‘Deus, você está sempre no comando da minha vida. Agora, mais do que nunca, preciso de ti’. A gente tem que fazer isso, ter fé e esperança”, narrou Bianca, lembrando de outro momento em que foi vítima de violência no Rio.

Carro blindado

“Já sofri uma tentativa de assalto no Flamengo. Um bandido quebrou o vidro do carona e eu saí buzinando. Por sorte, sempre paro a uns dois metros de distância do carro da frente e consegui fugir. Coragem para sair de casa agora, só de blindado”, lamentou a atriz, nascida em São Paulo.

“Meus parentes de São Paulo não têm carro blindado. Tenho a sensação de que o Rio está mais violento. Fico imaginando como teria reagido se estivesse com as minhas filhas”, disse a mãe das gêmeas Beatriz e Sofia, do casamento com o empresário Eduardo Menga.

Desespero e vergonha

“Foi um susto horroroso. Dá um desespero, uma vergonha desse país, uma vontade de ir morar fora e vir só para trabalhar. Nessas horas, a gente se sente impotente e desrespeitada porque os impostos estão em dia, todos pagos. Mas esses políticos não cumprem nada. Cadê as UPPs (Unidade de Polícia Pacificadora)? Somos o país da Copa do Mundo, das Olimpíadas, como vai ser? Vou fazer um búnquer aqui em casa e não vou sair daqui”, falou a atriz, intérprete da cardiologista Dra Silvia na próxima novela de Manoel Carlos, que marca o retorno de Bianca à TV Globo após 16 anos.

Recentemente, Monique Evans relatou ter sido vítima de assalto à mão armada no Rio. Ainda em 2013, Castrinho e a mulher foram surpreendidos por bandidos duas vezes na mesma noite. Há poucos meses, o ator Pierre Baitelli foi obrigado a deixar as gravações de “Amor Á Vida” após seragredido com pontapés e socos durante um assalto. Confira na galeria mais famosos que foram vítimas de violência.

Fonte:IG

Compartilhar: