Bilionário fundador do Banco Safra, Moise Safra, morre aos 79 anos

A fortuna de Moise Safra era avaliada em US$$ 2,2 bilhões, o que o colocava como o 26º homem mais rico do país

10456416_791306947577977_2347550948918858572_n

O magnata brasileiro Moise Safra morreu em São Paulo neste domingo, 15, aos 79 anos. Ele sofria de Mal de Parkinson e estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein. Moise nasceu no Líbano e adquiriu cidadania brasileira. Com seus irmãos, fundou o Banco Safra, um dos maiores do Brasil. Posteriormente, vendeu sua fatia no banco para o irmão Joseph.

O banqueiro era casado com Chella Cohen Safra, com quem tinha cinco filhos.

Negócios 

A fortuna de Moise Safra era avaliada em US$$ 2,2 bilhões, o que o colocava como o 26º homem mais rico do país pelo ranking da “Forbes”. Seu irmão Joseph ocupa a segunda posição, atrás apenas de Jorge Paulo Leeman, da Ambev. No ano passado, Moise voltou ao noticiário após uma empresa sua comprar, em parceria com família do empresário chinês Zhang Xin, presidente-executivo da Soho China, do ramo imobiliário, 40% do prédio da montadora General Motors em Manhattan, nos Estados Unidos, um dos edifícios corporativos mais valiosos do país.

O negócio aumentou ainda mais o valor de mercado do imóvel, para cerca de US$$ 3,4 bilhões. A transação foi estimada em cerca de US$$ 700 milhões. A participação restante de 60% do empreendimento pertence à Boston Properties, que controla o edifício.

 

Fonte: A Tarde

Compartilhar: