Bombeiro cria aplicativo de Google Glass para ajudar no combater incêndios

O projeto é todo baseado em informações exibidas na telinha do acessório, que aparecem conforme o usuário faz uma busca por voz

Os óculos custam US$ 1.500 (cerca de R$ 3.550) e ainda estão restritos a desenvolvedores. Foto: Divulgação
Os óculos custam US$ 1.500 (cerca de R$ 3.550) e ainda estão restritos a desenvolvedores. Foto: Divulgação

O bombeiro Patrick Jackson trabalha no desenvolvimento de um aplicativo para Google Glass que poderá, futuramente, ser usado em situações de combate a incêndio. A iniciativa foi divulgada no site oficial do Google Glass, que mostra como possíveis utilidades para o produto.

Os óculos custam US$ 1.500 (cerca de R$ 3.550) e ainda estão restritos a desenvolvedores, mas devem ser liberados ao público geral em 2014.

O projeto é todo baseado em informações exibidas na telinha do acessório, que aparecem conforme o usuário faz uma busca por voz (ela fala “ok, glass” e faz a solicitação). Seria possível, por exemplo, visualizar o local da chamada de emergência, a planta de um lugar em chamas, a estrutura de um carro específico (para saber onde cortá-lo ao resgatar vítimas) e também a localização de hidrantes em determinada região.

Por enquanto, diz o site “The Verge”, só foram criados os apps relacionados ao endereço do chamado e aos hidrantes. As outras alternativas ainda estão em desenvolvimento. Não há informações de quando os programas criados pelo bombeiro de Rocky Mount (Carolina do Norte, EUA) poderão ser disponibilizados para usuários do Glass.

 

Fonte: Uol

Compartilhar:
    Publicidade