Brasil joga ‘pelada’ e não consegue vencer o México no Castelão, em Fortaleza

Jogo em Fortaleza teve show de passes errados e furadas da seleção de Felipão

10486524_10152293349170617_4065207976296767835_n

O Brasil não conseguiu repetir o pouco bom futebol que apresentou na estreia da Copa do Mundo e ficou no zero contra o México, nesta terça-feira (17), no Castelão, em Fortaleza.

Por conta de uma lesão no joelho de Hulk, Felipão entrou com Ramires no time titular, alterando um pouco a forma da equipe jogar, já que contava com um jogador a mais de meio de campo.

A mudança, no entanto, apenas escancarou as limitações do elenco do técnico Felipão, já que não surtiu efeito algum e comprometeu a armação do time.

Valendo a liderança da chave, o jogo começou pegado, mas fraco tecnicamente. Com muita marcação dos dois lados, o primeiro lance de perigo só aconteceu aos 25 minutos, com Neymar. O craque brasileiro cabeceou no canto e deu trabalho para o goleiro Ochoa.

Nova chance, só no final da primeira etapa, mas para os mexicanos. Aos 41, Vázquez tirou tinta do travessão de Júlio Cesar. O Brasil respondeu com Paulinho, que dois minutos mais tarde aproveitou sobra de bola na área e chutou em cima do camisa 1 adversário.

Apesar das chances no fim, o primeiro tempo ficou marcado pelo fraco desempenho brasileiro. Sem criatividade e errando muitos passes, a seleção não conseguiu ter volume de jogo para abrir o placar.

Na volta do intervalo, o México veio melhor. Com a marcação adiantada, os visitantes finalizaram com perigo três vezes antes menos dos dez minutos. Nem mesmo as entradas de Barnard, Jô e Willian, promovidas por Felipão, mudaram alguma coisa.

O pouco de brilho que a seleção brasileira mostrou saiu dos pés de Neymar, que cobrou falta com perigo aos 17 e voltou a dar trabalho a Ochoa em chute forte aos 23. Aos 40 minutos, Thiago Silva teve a principal chance do jogo, de cabeça, mas esbarrou novamente na boa atuação do goleiro adversário.

Com o empate, os times seguem juntos na liderança do Grupo A, ambos com quatro pontos, mas o Brasil fica à frente por conta do saldo de gols. Sem pontuar ainda, Camarões e Croácia se enfrentam na próxima terça-feira (18), em Manaus.

A seleção brasileira volta a campo na segunda-feira (23), quando encara Camarões em Brasília. No mesmo dia, o México enfrenta a Croácia em Pernambuco.

Compartilhar:
    Publicidade