Campanha da Riachuelo que foi acusada de racismo é retirada do ar; Assista

A ira do público já havia se espalhado tanto que as críticas negativas continuaram a todo vapor nas redes sociais

Uma campanha da Riachuelo, criada para promover a marca com base no Dia Internacional da Mulher, tem causado polêmica nas redes sociais nas últimas horas. No filme, com o conceito “O dia da mulher brasileira”, uma modelo branca é seguida por braços, mãos e sombras de uma mulher negra colocando nela acessórios como colares e sapatos. Parte do público enxergou uma mensagem de cunho racista na propaganda.

A repercussão negativa foi tamanha, que a marca apagou o vídeo do Youtube. Entretanto, a ira do público já havia se espalhado tanto que as críticas negativas continuaram a todo vapor nas redes sociais, principalmente no Twitter e no Facebook. Alguns blogs também publicaram a sua opinião a respeito da campanha da Riachuelo. O “blogueiras negras” comentou que “a presença negra no comercial é de uma mão que serve. Um corpo sem cara, que não consome, não tem vontades, sequer existe, apenas serve. Uma sombra semivivente que só se presta a apoiar a existência da sua senhora”.

O Adnews já fez contato com a Riachuelo e aguarda o posicionamento da empresa sobre o impacto negativo da campanha. A marca tirou o filme de seu canal oficial, mas o vídeo foi postado também por outros usuários. Confira:

Confira as críticas na fanpage da marca:

yrther

 

Fonte: Adnews

Compartilhar:
    Publicidade