Canal 1 – Televisão

Palmirinha e Danilo Gentili são convidados para comentar futebol na Fox Contagem regressiva para a abertura da Copa do Mundo,…

Palmirinha e Danilo Gentili são convidados para comentar futebol na Fox

Contagem regressiva para a abertura da Copa do Mundo, Brasil e Croácia, na quinta-feira. As emissoras envolvidas têm buscado maneiras das mais diferentes para atrair a atenção do telespectador.

Se a TV aberta, representada por Globo e Band, continuará levando vantagem com a bola rolando, os canais fechados também buscam se destacar por uma cobertura de bastidores mais abrangente. A Fox, 1 e 2, está 24 horas no ar em cima disso, desde a semana passada, e o SporTV, BandSports e a Espn prometem fazer o mesmo a partir de hoje.

É bem interessante a preocupação de todas em ir ao encontro do público em casa, fazendo-se valer de expedientes que não são os mais comuns.

O canal 2, da Fox, que desde o começo tinha a pretensão de apresentar uma transmissão diferenciada – daí o interesse frustrado de contar com Silvio Luiz, irá fazer todos os jogos com foco de humor. Para isto, foram definidas três duplas – o casal Marília Ruiz e Paulo Bonfá, Cadú Cortez e Ana Paula Oliveira, Paulinho Arapuã e Mano, contando ainda com vários convidados especiais, desde a Palmirinha até o Danilo Gentili.

TV Tudo

Números da TV

Juntas, Globo e Bandeirantes vão movimentar cerca de 4.000 profissionais na cobertura da Copa do Mundo.

O número oficial divulgado pela líder envolve algo próximo de 2.500 pessoas, enquanto a Band irá mobilizar cerca de 1.200 profissionais. Ambas, porém, admitem que os seus contingentes poderão sofrer modificações. Para mais.

Na fechada

No sistema pago, ninguém deve superar o SporTV, com as suas três emissoras, totalmente voltadas para o campeonato mundial.

Serão mais de 600 profissionais. A ESPN, por sua vez, tem credenciadas 236 pessoas.

Se escondendo do jogo

O ex-jogador Zico recebeu propostas de diferentes emissoras, para servir como “convidado especial” nas suas transmissões da Copa do Mundo.

Globo e Fox foram apenas duas delas. Mas em todos os casos, ele não demonstrou interesse. Até agora, pelo menos, não fechou com ninguém.

Nada na frente

Valéria Monteiro está completando a temporada do programa “O Show da Vida é Fantástico”, no Viva, mas não tem nada acertado sobre uma próxima.

Vai ficar no aguardo dos acontecimentos.

Tá na casa

Longe das novelas desde a participação em “Saramandaia”, 2013, Marcos Pasquim continua, sim, com contrato na Globo.

Mas o acertado com a casa é que o seu retorno ao vídeo só se dará no ano que vem, em trabalho a ser definido.

Tendência

Aqui, e em vários outros lugares, já se disse que “O Rebu”, nova novela das 23 horas, terá exibições às segundas-feiras, empurrando o “Tela Quente”. O mesmo, aos sábados, já acontece com o “Altas Horas” antes e “Super Cine”, depois.

É a Globo se preparando para tirar os filmes de campo.

Em estudos

Na Bandeirantes está aprovado orçamento para Luiz Bacci apresentar um programa diário. À tarde ou à noite.

Mas como não deram em nada os entendimentos com Gugu Liberato, agora se analisa a possibilidade de ele entrar aos sábados e domingos, depois do “Terceiro Tempo”.

Programa da Ana Paula

Em relação ao “Master Chef”, um programa de talentos culinários, sob o comando de Ana Paula Padrão, o início de trabalhos está previsto para a primeira semana de agosto.

Realização da Band com a Eyeworks e gravações nos próprios estúdios do Morumbi.

Pré-produção – 1

A Record, também até agosto, pretende fechar todo o orçamento da sua primeira novela bíblica, “Moisés – Os Dez Mandamentos”, para só então tomar decisões sobre a sua produção.

É uma estreia anunciada para 2015, mas ainda com algumas “sombras”.

Pré-produção – 2

Se o custo de produção de “Moisés”, por ser uma produção de época, superar a expectativa e não for condizente com a realidade comercial da teledramaturgia da Record, já existem determinações para se pensar em outra coisa.

Tais alternativas devem ser analisadas desde agora.

Clima pesado

O Brasil não tem que parar por causa da Copa do Mundo.

Pensando assim, ou mais ou menos assim, Reinaldo Gilli, presidente da Record – Rio de Janeiro, avisou que não vai liberar ninguém durante os jogos da seleção brasileira.

Quer todo mundo trabalhando normalmente. Evidente que o clima ficou tenso por lá devido a essa determinação.

Bate – Rebate

Record está usando certa cautela na escalação de Leonardo Brício em próximos trabalhos…

Constatou-se, internamente, que a imagem dele como rei Davi “ainda é muito forte”.

O SBT fará reajustes na sua grade de programação durante o período da Copa…

Séries, entre elas o “Chaves”, em grande quantidade serão usadas em horários estratégicos…

E por horário estratégicos, entenda-se os que existirem grandes jogos, especialmente da seleção brasileira.

Ainda do SBT, foi liberada verba para confeccionar os agasalhos do pessoal que está envolvido na cobertura jornalística da Copa…

O problema, dizem, é que existiam outras prioridades.

O “Na Moral”, do Pedro Bial, em sua 3ª edição, irá estrear no dia 3 de julho e ficará no ar até 14 de agosto…

Serão apenas 7 exibições.

Acontece nesta segunda-feira, 9, o lançamento doDVD do filme-denúncia “Blood Money-Aborto legalizado”…

Considerado por muitos como um documentário de utilidade pública pelo teor das informações que traz ao público brasileiro…

Na Livraria Cultura, do Shopping Bourbon, em São Paulo, a partir das 19 horas.

C´est fini

Não houve mesmo tempo de a papelada ficar pronta, por isso não foi possível Ana Paula Padrão e Bandeirantes assinarem contrato antes da viagem dela ao exterior na manhã de sábado.

Mas está tudo certo. É só o que basta. As partes já têm tudo conversado e acordado.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Compartilhar: