Canal 1 – Televisão

Bandeirantes leva seus funcionários passar por constrangimentos Na Bandeirantes, os seus funcionários ainda são submetidos ao constrangimento de ter que…

Bandeirantes leva seus funcionários passar por constrangimentos

Na Bandeirantes, os seus funcionários ainda são submetidos ao constrangimento de ter que abrir bolsas ou malas na portaria, para inspeção de alguém da segurança. Evidente que isto só diz respeito ao pessoal da raia miúda ou aqueles que não têm o privilégio de deixar os seus carros nos estacionamentos internos. Todos os demais são obrigados a passar por esta “vistoria”. Como se vê, parte-se do princípio que todos são desonestos até prova em contrário.

Isto faz lembrar história de uns 10 anos no SBT, quando se instalou uma ordem parecida. Havia uma espécie de “sorteio” na cancela para os que deixavam o carro no pavimento superior – diretores e funcionários mais graduados. No caso dela, a cancela, não levantar, o contemplado era obrigado a abrir o porta-malas e deixar o veículo, para permitir completa revista por parte da segurança.

E assim foi até que o Luciano Callegari foi “contemplado” dois dias seguidos. Irritado com aquela intimidação, ele subiu cerca de 400 metros de marcha à ré em um caminho cheio de curvas, para tirar satisfações com o dono daquela ordem, Jean Teppet. E os dois, por este e outros motivos, nunca mais voltaram a se falar depois disso.

TV Tudo

Enquanto isso…

A jornalista Juliana Franceschi passou por um tremendo sufoco na noite de terça-feira, após deixar o SBT, na Anhanguera. Ela foi vítima de assalto a mão armada, com direito a vidro do carro quebrado e revólver na cara.

Mesmo entregando tudo que tinha, em várias oportunidades, o bandido, segundo ela drogado, ameaçou matar a apresentadora.

Decolando

Luiz Bacci, acompanhado de uma equipe da Band, embarcou na noite de ontem para Los Angeles.

Foi gravar matérias do seu novo programa. Aliás, programa que está atrás de um “Percival de Souza” para compor a equipe.

Caprichada

Tão boa quanto a novela “Império”, indiscutivelmente, é a sua trilha sonora.

Há muito não se via, em produções do tipo, um trabalho de tão alta qualidade.

Estilos diferentes

É curioso verificar os contrastes existentes. Manoel Carlos levava “Em Família” do jeito dele, sem nunca precipitar as coisas.

Aguinaldo Silva, com características diferentes, faz tudo acontecer muito rapidamente. A personagem da Vanessa Giácomo, para se ter uma ideia, engravidou duas vezes e teve dois filhos, num capítulo só.

Turma do contra

São tantas as manifestações de telespectadores contrários a reprise da novela “Pecado Capital” no Viva, que a direção poderia examinar novamente o assunto e, quem sabe, até reavaliar a sua decisão.

Poucas vezes se viu um movimento tão grande.

Tocando a bola

A simplicidade, muitas vezes, é o segredo e explica o sucesso de alguns programas.

Caso do “Donos da Bola”, do Neto, em São Paulo. Na terça que passou, foi o maior share do dia na Band, com 9%. Na semana passada, em comparação com o outro esportivo da grade, nos 5 dias de programas, ganhou 4. Está bem.

Perigo na área – 1

O “Encrenca”, nova aposta da Rede TV! nos domingos, inspira cuidados.

Difícil saber até onde vai, se é que vai, se a reformulação no conteúdo não der bons resultados.

Perigo na área – 2

A televisão tem que ser levada mais a sério. Hoje é difícil encontrar quem não tem projeto de programa, ideia de novela ou palpite de como deve ser feito isso ou aquilo.

A maioria não sabe nada de nada. O “Encrenca” é um exemplo disso. Um belo dia alguém teve a ideia de fazer um programa e saiu aquilo.

Vista do alto

Ainda a partir desta semana, a Record News passa a ter uma câmera na torre da Record, na Barra Funda, como a que já existe na Avenida Paulista.

Ambas munidas de joystick e controladas direto do switer do jornalismo.

Tá dentro

Robertha Portela também entrou no elenco de “Plano Alto”, minissérie da Record, mas em participação especial, fazendo uma jornalista.

O seu último trabalho foi em “Dona Xepa”, como Dafne, uma mulher-fruta.

Bate – Rebate

A atriz Lu Grimaldi deixou o elenco de novelas da Record…

… Ela também não teve o seu contrato renovado…

… Julia Magessi também está na mesma situação.

Já existem pessoas da CBF trabalhando na aproximação do treinador Dunga com a Globo…

… Até com sugestões de entrevistas ou participação em programas ou telejornais.

A montagem da nova grade do canal BandSports já começou, mas não tem data para ficar pronta.

Ainda é tempo de dizer, Marília Gabriela deu outra aula de como se deve entrevistar alguém, no último “De frente com Gabi”, recebendo a empresária Luiza Helena Trajano…

… Poucos têm a capacidade de perguntar tudo e nada ficar sem resposta. Sabe tudo.

Eliane Giardini gravou participação especial em “A Grande Família”, estremecendo a relação da Nenê (Marieta Severo) com o Lineu (Marco Nanini)…

… São cenas que irão compor o episódio da próxima quinta, 31.

C´est fini

Os baixos índices de “Vitória”, ali na casa dos 5 ou 6, deveriam levar a direção da Record a refletir melhor sobre o presente e futuro das suas produções.

Novela é um brinquedo caro e, no caso de agora, os prejuízos poderão ser ainda maiores, com “Império” bombando do jeito que está. É preciso mexer com isso. E que tal começar pela busca de um horário mais adequado?

Ficamos assim. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Compartilhar:
    Publicidade