CANDIDATURA

Enquanto o PMDB não decide de forma mais explícita o nome que vai disputar o Governo e quem vai compor…

Enquanto o PMDB não decide de forma mais explícita o nome que vai disputar o Governo e quem vai compor para o Senado, Sherloquinho soube que o ministro Garibaldi Filho ficou com olhos brilhando ao ver a possibilidade do filho Walter Alves disputar a majoritária na condição de candidato a vice-governador.

SALADA

Cada vez mais próxima da realidade, a aliança do PMDB de Henrique Alves com o PSB de Wilma de Faria, poderá provocar reações no interior. Na verdade, reações do eleitorado, pois a classe política já está acostumada a mudar o discurso de acordo com sua conveniência.

MOSSORÓ

Concretizado o acordão, com Henrique, Wilma e Agripino, em Mossoró, as duas candidatas que ainda brigam na Justiça Eleitoral sob acusação mútua de crime eleitoral, terão que subir no mesmo palanque. Cláudia Regina, do DEM, cassada e afastada por ações do MP e de Larissa Rosado, terá que sorrir ao lado daquela que provocou sua condenação. Do mesmo modo, Larissa também terá que esboçar sorriso ao lado de Cláudia, responsável por sua condenação e inelegibilidade por crime eleitoral. Como ficará o eleitor?

DISCURSO

O discurso ensaiado pelo deputado Henrique Alves para levar adiante o acordão, até seria bem recebido pela população do RN, caso o palanque não fosse compartilhado por tanta gente. Afinal, quem pode ser contra a ‘união pelo RN’?. Todos são a favor da ‘reconstrução’ do Estado.

DISCURSO II

O problema é que a reconstrução do Estado, significa que foi destruído. E quem destruiu? Garibaldi disse em 2010 que Wilma de Faria havia destruído o RN e que precisava de Rosalba para reconstruir. Hoje, o povo de Wilma diz que o RN foi destruído por Rosalba e Wilma está pronta para ajudar a reconstruir. No acordão, consta o DEM, o partido de Rosalba, acusada de ter destruído o Estado. Ou seja… O mesmo povo que destrói, ajuda a reconstruir, ao lado de quem acusou a destruição. Achou confuso? Pode ficar pior.

CONDENAÇÃO

A sétima condenação da prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, reforça a participação da governadora Rosalba Ciarlini no processo de uso da máquina pública. Afinal, ficou caracterizado que a promessa eleitoral feita pela mulher de Carlos Augusto na Zona Rural de Mossoró, foi responsável pela condenação da prefeita.

SINTONIA

O presidente da Assembleia, deputado Ricardo Motta, foi a sede do PMDB e anunciou o apoio do PROS ao projeto do partido presidido por Henrique Alves. Hoje, o filho de Ricardo, presidente do PROS no RN, vereador Rafael Motta, faz uma salada eleitoral que vai de Wilma a Rosalba; de Robinson Faria a Henrique Alves. O que é que tá havendo?

ERRO

Encontraram um erro no processo que poderia cassar o mandato do deputado João Maia. Com isso, há possibilidade de nulidade completa e o irmão de Agaciel virar inocente de tudo e sorrir a vontade. Um final de semana faz toda a diferença.

LICITAÇÃO

A milionária e superfaturada licitação da Urbana, deverá ser finalmente cancelada por determinação do Tribunal de Contas do Estado. O pedido feito pelo procurador Thiago Guterres deverá ser atendido em nome da moralidade pública. O relator do processo, professor Cláudio Emerenciano, trabalha tecnicamente para evitar danos ao patrimônio público. Aliás, se a direção da Urbana não fosse tão obsecada pelo atual edital, já teria tomado a decisão mais sensata de republicar o edital da maneira mais transparente possível.

Compartilhar:
    Publicidade