Carro por R$ 1, Tipo 96 e coleção de armas; confira patrimônio dos candidatos

A presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, declarou ter um automóvel Fiat Tipo 1996 avaliado em R$ 30.642,00.

45yy45y43

Carros, casas, poupanças, ações, joias, artigos de luxo. Estes são os principais itens encontrados na declaração de bens dos candidatos que vão concorrer a todos os cargos das Eleições 2014. Porém, a busca pode revelar itens curiosos.

A presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, declarou ter um automóvel Fiat Tipo 1996 avaliado em R$ 30.642,00. Para efeito de comparação, o também presidenciável José Maria Eymael (PSDC) relatou ter um veículo do mesmo modelo (ano 1994) no valor de R$ 12.160,00.

Eymael é o candidato mais rico entre os presidenciáveis. O patrimônio dele é estimado em R$ 5,1 milhões. Zé Maria (PSTU) declarou ter apenas R$ 20 mil em bens. Ele pode ser considerado o mais pobre na corrida pelo Palácio do Planalto, sem considerar Rui Costa Pimenta (PCO), que declarou não ter bens.

No Paraná, chama a atenção a declaração do senador Roberto Requião (PMDB), que tenta novamente voltar ao governo do Estado. Entre os itens, Requião lista um Ford 1928 avaliado em R$ 1. O veículo éartigo de colecionador. O senador tem ainda obras de arte e uma coleção de armas no valor de R$ 10 mil.

O governador Beto Richa (PSDB) é o candidato mais rico com patrimônio equivalente a R$ 5,5 milhões. Ogier Bucchi (PRP) relata ter em seu nome apenas debentures da Eletrobras avaliadas em R$ 2,8 milhões. Rodrigo Tomazini (PSTU) e Tulio Bandeira (PTC) não apontaram itens em seus nomes.

É na disputa ao Senado que aparecem as maiores riquezas do Paraná. O patrimônio de Marcelo Almeida (PMDB) é maior que de todos candidatos ao governo e ao Senado juntos. O atual deputado federal soma mais de R$ 740 milhões em bens. Logo atrás, mas não menos milionário, aparece Joel Malucelli com R$ 236 milhões em bens no seu nome. O empresário é o 1º suplente da candidatura de Alvaro Dias (PSDB). O 1º suplente de Marcelo Almeida, o pecuarista Antonio Martins Anibelli tem R$ 11,2 milhões em itens no seu nome.

A página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) dispõe do link DivulgaCand 2014 em que os partidos políticos, coligações, candidatos e a população podem se informar sobre a quantidade e os dados dos candidatos que vão concorrer a todos os cargos das Eleições 2014. Estes números estão sendo constantemente atualizados pela Justiça Eleitoral.

Por meio do DivulgaCand 2014, é possível consultar o número de candidaturas por estado e por cargo. Além de verificar a situação do pedido de registro do candidato, o sistema permite pesquisar informações repassadas à Justiça Eleitoral, como a declaração de bens do candidato, certidões criminais e previsão de gastos de campanha.

 

Fonte: Bonde

Compartilhar:
    Publicidade