Casal consegue indenização de R$ 65 mil por ‘vida sexual muito ruim’

A empresa tentou argumentar que o casal, de meia-idade, não tinha vida sexual muito intensa que justificasse a indenização. Mas perdeu

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um juiz da Toscana (Itália) ordenou que uma empresa de seguros pague o equivalente a R$ 65 mil a um casal que alega ter ficado com uma “vida sexual ruim” após um acidente

Tudo começou quando uma mulher foi atropelada por um carro ao atravessar uma rua de Massa-Carrara. Por causa do atropelamento, ela ficou de cama por três meses. A situação, alegou o advogado do casal, teria tido um impacto negativo sobre a qualidade da vida sexual da vítima e do marido. Além disso, eles ficaram sem poder curtir viagens românticas como costumavam fazer, conforme reportagem do “La Nazione”. O marido também teve que se dedicar a mais tarefas domésticas, como cozinhar e fazer faxina

A seguradora do dono do veículo que atropelara a italiana ficou com a conta. A empresa tentou argumentar que o casal, de meia-idade, não tinha vida sexual muito intensa que justificasse a indenização. Mas perdeu.

Fonte: O Globo

Compartilhar: