Chefão do UFC garante que, no lugar de Bieber, já teria batido as botas

Dana White relevou a prisão do cantor teen e se colocou no lugar do astro pop

 Dana White pareceu entender o lado do jovem cantor pop Divulgação/UFC. Foto: Divulgação
Dana White pareceu entender o lado do jovem cantor pop Divulgação/UFC. Foto: Divulgação

A prisão do jovem cantor Justin Bieber na última quinta-feira (23) chocou o mundo. No entanto, isso não surpreendeu Dana White, presidente do UFC, que veio a público defender a situação do astro pop de 19 anos.

De acordo com o cartola em entrevista ao site MMA Junkie, a mistura da juventude, muito dinheiro e falta de limites faz com que a pessoa perca a noção da realidade o que, se tivesse acontecido com ele, teria resultado em morte, na certa.

— Acontece se você tem 19 anos e muitos dólares na conta. Se fosse comigo, eu já teria morrido. É difícil lidar com tanta pressão que esses jovens enfrentam, e com tantas tentações que aparecem diante de um garoto com dinheiro para comprar o que quiser.

Bieber foi preso em Miami, na Flórida (EUA), após ser flagrado dirigindo em alta velocidade e tirar um racha com seu Lamborgini amarelo. Após ser autuado, o cantor reconheceu que havia bebido e fumado maconha antes de entrar no carro, o que lhe rendeu uma multa de pouco mais de R$ 5 mil.

Compartilhar:
    Publicidade