Cientistas suíços criam detector de emoções para motoristas

O protótipo, ainda em desenvolvimento, foi criado pela equipe científica da Escola Politécnica de Lausanne (Suíça)

Sistema consegue distinguir sete sentimentos medo, raiva, alegria, tristeza, nojo, surpresa e dúvida. Foto: EPFL / Divulgação
Sistema consegue distinguir sete sentimentos medo, raiva, alegria, tristeza, nojo, surpresa e dúvida. Foto: EPFL / Divulgação

Cientistas da Escola Politécnica Federal de Lausanne (Suíça) anunciaram a criação de um painel que detecta emoções de motoristas, o invento tem como objetivo evitar o motorista de ficar nervoso antes que aconteça um incidente. O sistema consegue distinguir sete sentimentos – medo, raiva, alegria, tristeza, nojo, surpresa e dúvida – e foi desenvolvido em parceria com PSA Peugeot Citroën.

O protótipo, ainda em desenvolvimento, foi criado pela equipe científica da LTS5 (Laboratório de Processo de Sinal 5) da instituição suíça, eles adaptaram um aparelho de reconhecimento facial para uso no carro, usando uma câmera infravermelha colocada atrás do volante.

De acordo com a equipe do projeto, a parte mais difícil do teste foi identificar a raiva do motorista; para conseguir analisar a raiva, as cientistas Hua Gao e Anil Yüce determinaram que o sistema deve procurar primeiro por raiva e nojo dos motoristas, pois essas expressões podem causar problemas no trânsito.

O sistema foi testado em duas etapas, primeiro com imagens de pessoas raivosas e depois com vídeos. “Em geral, o sistema funcionou bem e a irritação pode ser detectada corretamente na maioria dos casos”, explicou Hua Gao. “Quando falhou, foi porque este sentimento é variado de individuo para individuo”, completou.

A equipe ainda afirma que detectar emoção é apenas “um indicador”, e que pretende trabalhar na detecção de outros estágios como cansaço e distração; assim como em leitura de lábios para uso em reconhecimento vocal.

 

Fonte: Terra

Compartilhar: