Colômbia avança às quartas pela primeira vez na história e pega o Brasil

Com dois gols do craque James Rodríguez, a Colômbia afunda Uruguai no Maracanã lotado neste sábado

esporte-futebol-copa-colombia-uruguai-20140628-04-size-598

O sábado de “mini-Copa América” dentro da Copa do Mundo foi iniciado com a mais que dramática classificação da seleção brasileira e terminou com outro jogo eletrizante e simbólico. No retorno da seleção uruguaia ao Maracanã em um Mundial, 64 anos depois do título de 1950, a Colômbia confirmou seu ótimo momento e frustrou as chances de um novoMaracanazo uruguaio com um toque de classe de seu camisa dez. James Rodríguez voltou a ser decisivo: marcou duas vezes e se isolou na artilharia do Mundial, com cinco gols. A vitória por 2 a 0 classificou a Colômbia às quartas de final pela primeira vez na história e derrubou os bicampeões mundiais, que já entraram fragilizados pela suspensão de Luis Suárez. Na próxima fase, a seleção colombiana irá enfrentar o Brasil, em Fortaleza, na sexta-feira, às 17 horas.

Antes da partida, os integrantes da seleção uruguaia protestaram contra a punição de Suárez e provocaram a Fifa ao estender a camisa 9 do atacante no vestiário do Maracanã. Mas se o Uruguai não tinha Suárez, a Colômbia também não pôde contar desde o início da competição com o lesionado Radamel Falcao Garcia, e se virou com seus rápidos e talentosos homens de frente. Empurrados pela torcida (colombiana e, principalmente, brasileira), a seleção dirigida por Jose Pekermán foi superior desde o início da partida. O ponta Juan Cuadrado acelerou o ritmo do jogo com arrancadas pela direita, enquanto o Uruguai abusava das faltas. Com o veterano Diego Forlán, substituto de Suárez, em noite pouco inspirada, a Celeste teve dificuldades para criar e deu muitos espaços ao adversário. O primeiro gol saiu em uma boa combinação do ataque colombiano: James Rodríguez recebeu de Cuadrado, dominou no peito e acertou um belíssimo chute de fora da área, aos 27 minutos. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar. Com mais um golaço, o meio-campista de 22 anos se credenciou com um dos craques desta Copa do Mundo.

 

Fonte: Veja

Compartilhar: