Com aplicativo de paquera, Tinder ganha prêmio de melhor empresa novata

Lançado no final de setembro de 2012 por estudantes da Universidade do Sul da Califórnia, o aplicativo ganhou notoriedade em 2013 e, segundo os fundadores, o programa já tem grande presença nos Estados Unidos, Reino Unido e no Brasil

Tela do aplicativo Tinder; empresa foi eleita a melhor nova start-up durante a premiação Crunchies. Foto:Divulgação
Tela do aplicativo Tinder; empresa foi eleita a melhor nova start-up durante a premiação Crunchies. Foto:Divulgação

O aplicativo móvel de Tinder, que permite achar pessoas interessantes, ganhou o prêmio de melhor nova start-up (empresa em estágio inicial) de 2013 durante o Crunchies, evento realizado pelos blogs de tecnologia norte-americanos “TechCrunch”, “GigaOM” e “VentureBeat”. A premiação homenageia as companhias e pessoas que chamaram a atenção durante o ano passado.

O programa (disponível para smartphones Android e iPhone) se conecta ao Facebook do usuário e começa a mostrar imagens de possíveis pares amorosos. Os candidatos aparecem no aplicativo baseado na distância, sexo e interesses em comum. Se houver interesse mútuo, o aplicativo permite que as duas pessoas conversem em um bate-papo.

Lançado no final de setembro de 2012 por estudantes da Universidade do Sul da Califórnia, o aplicativo ganhou notoriedade em 2013 e, segundo os fundadores, o programa já tem grande presença nos Estados Unidos, Reino Unido e no Brasil.

“Nosso trabalho é conectar as pessoas e criar uma ambiente de apresentação, sem importar os contextos em que elas estão. Os problemas que estamos tentando resolver são universais, seja para quem quer conhecer alguém para namorar, para relações de negócios ou amizade”, disse Sean Rad, cofundador do Tinder, em entrevista ao blog “TechCrunch”.

O evento também premiou o Kickstarter (site de financiamento coletivo) como a melhor start-up, o Snapchat como melhor aplicativo móvel do ano, o Duolingo como melhor start-up de educação e o jogo Candy Crush Saga como a aplicação mais viciante do ano.

Após receber indicações de start-ups para cada categoria, uma comissão do Crunchies seleciona cinco companhias. Na sequência, é aberta a votação no site do evento. A premiação ocorreu em 10 de fevereiro.

A lista completa de vencedores do Crunchies está disponível no “TechCrunch” (em inglês).

Fonte:BOL

Compartilhar: