Com desfile e discurso de prefeita, Cabañas é apresentado no Tanabi

Paraguaio de 33 anos foi recebido com status de astro no clube que disputa a quarta divisão do Campeonato Paulista

Cabañas se apresenta ao Tanabi. Foto: Divulgação
Cabañas se apresenta ao Tanabi. Foto: Divulgação

Com poucas palavras para descrever seus sentimentos, Salvador Cabañas recebeu apresentação de superstar em sua chegada ao Tanabi, clube da quarta divisão do Campeonato Paulista. A pequena cidade do interior de São Paulo parou para receber o atacante paraguaio de 33 anos, que busca um recomeço no futebol.

“Entre o futebol e o dinheiro, a prioridade é recuperar meu futebol, e se possível, ganhar um título”, resumiu o paraguaio, que tenta dar um passo de cada vez. “No momento, só penso no Tanabi. Quero fazer deste time uma grande equipe”, declarou.

O munícipio de 24 mil habitantes se movimentou completamente para a chegada do novo reforço. O veterano desfilou em um trio elétrico pelas ruas de Tanabi, sendo acompanhado pela imprensa, por fãs, moradores e curiosos.

Depois do desfile, Cabañas foi levado ao ginásio municipal da cidade, que fica a 470 quilômetros de São Paulo, na região de São José do Rio Preto. Lá, vestiu a camisa 10 do time, respondeu a algumas perguntas e ouviu as palavras dos dirigentes do clube e da prefeita de Tanabi, Maria Isabel Repizo.

Durante o dia, o paraguaio foi recepcionado por torcedores no Aeroporto de Guarulhos e deu diversas entrevistas a veículos de imprensa. Cabañas já se mostra ansioso para entrar em campo. “Estou preparado. Venho para demonstrar meu melhor. Vai depender do treinador, mas se fosse apenas por mim, vou para o jogo”, afirmou.

Após o agitado primeiro dia como jogador do Tanabi, Salvador Cabañas voltou para o Paraguai. O atacante irá participar de um amistoso beneficente e só retorna no sábado, para realizar exames e oficializar sua contratação. O acordo será válido por apenas três jogos.

A diretoria do clube paulista não esconde que foi uma bem sucedida estratégia de marketing, mas diz também esperar retorno esportivo do jogador dentro dos gramados. “É mais um sonho realizado, o próprio Cabañas não esperava uma repercussão tão grande. Temos matéria no NY Times, na CNN, na BBC. O acordo é para três partidas. Estamos dando uma oportunidade para que ele volte ao futebol”, disse o presidente do clube, Irineu Alves.

Recomeço

Depois de ser baleado na cabeça em uma tentativa de assalto em janeiro de 2010, Cabañas não conseguiu recuperar o futebol que o tornou ídolo do América-MEX e da seleção paraguaia. O atacante, que ficou famoso no Brasil por ser o carrasco da eliminação do Flamengo da Libertadores de 2008, entrou em crise financeira e teve de ajudar o pai em uma padaria, quando foi lembrado pelo Tanabi.

Fonte:IG

Compartilhar:
    Publicidade