Comerciante é assassinado com mais de dez tiros na Ceasa

Funcionário da vítima também foi atingido por um disparo de raspão, mas passa bem.

Foto: Sérgio Costa
Foto: Sérgio Costa

O comerciante Éder Péricles Faustino de Araújo, de 30 anos, foi assassinado a tiros, no início da manhã desta segunda-feira (14), quando chegava para trabalhar na Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte (Ceasa). Dois homens se aproximaram dele e um atirou 12 vezes, de acordo com a polícia.

De acordo com o tenente Faustino, do 5º Batalhão da Polícia Militar, a dupla teria chegado ao local em uma motocicleta. Além de atirar 12 vezes e atingir o comerciante Éder, os bandidos acabaram acertando um dos funcionários da vítima com um tiro de raspão no braço.

Depois que os criminosos fugiram, os próprios populares e funcionários de Éder Péricles o socorreram e o levaram para o Hospital Walfredo Gurgel, no entanto, ele não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. O funcionário baleado passa bem, de acordo com a polícia.

O tenente Faustino relatou ainda que, apesar de o crime ter características de execução, a polícia não conseguiu colher nenhuma informação sobre o que teria motivado o assassinato.

Fonte: Portal BO

Compartilhar: