Companhia Gira Dança faz apresentações no Rio Grande do Norte

Gira Dança leva espetáculos e ministra oficinas de dança no Estado

Espetáculo "Alguém que não eu para falar de mim", Foto: Fernando Chiriboga
Espetáculo “Alguém que não eu para falar de mim”, Foto: Fernando Chiriboga

Com temas que indagam as condições humanas mais ocultas, as descobertas e redescobertas dos sentimentos e do próprio ‘eu’, além das fragilidades que ultrapassam o físico e se alojam na formação mental de cada ser social, a Companhia Gira Dança, por meio do “Projeto Circulação Gira Dança” transmite essas mensagens em dois espetáculos “Sobre Todas as Coisas” e “Alguém que não eu para falar de mim” coreografados nas danças contemporâneas.

A companhia fará apresentações do “Sobre Todas as Coisas” em Mossoró (20/03), Natal (21/03), que terá uma ação especial surpresa preparada pelos produtores do grupo, e Santa Cruz (22/03). Já a cidade de Currais Novos receberá no dia 26 de março “Alguém que não eu para falar de mim”. Para os Municípios de Pendências, São Miguel do Gostoso, Ceará-Mirim e Caicó estão sendo definidas as datas e os respectivos espetáculos.

O espetáculo “Sobre Todas as Coisas”, que tem a coreografia de Mário Nascimento, faz indagações sobre o convívio do diferente, da capacidade de superação e das limitações em aceitar o que é alheio às próprias concepções. Já o “Alguém que não eu para falar de mim” propõe uma ‘viagem’ ao introspecto do eu, expressos nos movimentos dos corpos dos bailarinos na coreografia de Anízia Marques.

Com o patrocínio da Cosern, através da Lei Câmara Cascudo de incentivo à cultura e Governo do Estado, além das apresentações, o Gira Dança vai oferecer ao público interessado oficinas de dança com duração de três horas em um dia. No interior do Estado as oficinas serão gratuitas com disponibilidade para 20 participantes por cidade. Para se inscrever basta enviar um e-mail para producao.giradanca@gmail.com.

A Oficina Cultural – Laboratório de Criação em Dança tem o intuito de propor uma pesquisa que objetiva a compreensão dos princípios de movimento do corpo de bailarinos e não bailarinos e que tenham ou não alguma deficiência física. “Discutir, problematizar e descobrir como acontece o movimento nesses corpos a partir do processo criativo dos espetáculos do grupo é o nosso objetivo”, explica um dos ministrantes e idealizadores da companhia, Anderson Leão.

Informações:

Espetáculo “Sobre Todas as Coisas”

20/03 – Mossoró (RN) – Teatro Dix Huit Rosado às 20h

21/03 – Natal (RN) – Teatro Alberto Maranhão às 20h

Entrada:

R$ 10,00  inteira e R$ 5,00 meia

22/03 – Santa Cruz (RN) – Teatro Candinha Bezerra às 20h

Entrada:

Gratuita.

Espetáculo “Alguém que não eu para falar de mim”

26/03 – Currais Novos (RN) – Espaço Avoante às 20h

Entrada:

R$ 10,00 inteira e R$ 5,00 meia

Oficina Cultural – Laboratório de Criação em Dança

Mossoró (RN), 20/03 – Ministrante: Anderson Leão;

Santa Cruz (RN), 22/03 – Ministrante: Anderson Leão;

Currais Novos (RN), 26/03 – Ministrante: Álvaro Dantas.

Companhia Gira Dança

Gira Dança é uma companhia de dança contemporânea criada em 2005, pelos bailarinos Anderson Leão e Roberto Morais, em Natal (RN), onde reside a sede do grupo. Teve sua estreia nacional na Mostra Arte, Diversidade e Inclusão Sociocultural, realizada no Rio de Janeiro, em maio de 2005, o que proporcionou, desde então, apresentações em palcos de todo o Brasil.

Com uma visão ampla e distinta, a companhia, tem como proposta artística, expandir o universo da dança por meio de uma linguagem singular que utiliza o conceito do corpo diferenciado como instrumento de experiências. Um trabalho que rompe preconceitos, limites pré-estabelecidos e cria novas possibilidades dentro da dança contemporânea.

Compartilhar:
    Publicidade