Dançar e caminhar podem ajudar a melhorar a saúde mental

Psicóloga lista dicas para evitar problemas como a depressão, ansiedade e timidez

Evite atividades que servem apenas para “passar o tempo”, os exercícios devem ajudar a desenvolver novas habilidades. Foto: Getty Images
Evite atividades que servem apenas para “passar o tempo”, os exercícios devem ajudar a desenvolver novas habilidades. Foto: Getty Images

Quando falamos em saúde geralmente pensamos em exercícios físicos e boa alimentação. Mas junto com a saúde física precisamos estar bem mentalmente.

Segundo Letícia Guedes, a psicologia atua na tentativa de ajudar e amenizar o sofrimento humano seja ele uma simples timidez, dificuldade de interagir com o sexo oposto e até mesmo depressão.

— A contribuição da psicologia é muito importante na área da saúde, atuamos em hospitais dando apoio aos doentes.

Veja as dicas que a psicóloga:

Drible o estresse no dia a dia:

O estresse afeta as pessoas de diferentes maneiras, ele é um problema e faz com que as pessoas se sintam desconfortáveis ou angustiados, além de causar males, como obesidade e agressividade. Por isso, controle suas emoções e preocupações em excesso

Descanse a mente com uma boa noite de sono:

Procure esquecer dos problemas na hora de ir para a cama. Alguns distúrbios do sono podem estar associados ao estresse ou ansiedade

Faça atividades que sejam do seu interesse:

Evite atividades que servem apenas para “passar o tempo”, os exercícios devem ajudar a desenvolver novas habilidades. Exercícios como caminhar, dançar e nadar são recomendados, pois estimulam o fluxo da energia vital, gerando uma ótima sensação de bem-estar

Leia mais:

Nosso cérebro precisa ser estimulado toda hora. Ocupar nossa cabeça com leituras e programas culturais faz com que tenhamos menos tempo para pensamentos negativos. Lembre-se: seus pensamentos tem uma enorme força sobre sua vida

Mantenha a motivação sempre ativa

Mudar os hábitos, a maneira de se comportar diante de outras pessoas, estar de bem com o corpo e mente, é essencial para uma boa convivência. É de vital importância saber exatamente quais são os objetivos e não permitir que nada tire nossa motivação e concentração diária.

 

Fonte: R7

Compartilhar: