Declarações – Danilo Sá

Historicamente, os representantes políticos do Rio Grande do Norte não têm muita memória. Os discursos mudam, as vezes de forma…

Historicamente, os representantes políticos do Rio Grande do Norte não têm muita memória. Os discursos mudam, as vezes de forma bastante rápida, sem que sejam ao menos justificados. Basta haver a necessidade de formação de um novo palanque, uma parceria, as famosas alianças partidárias.

Está sendo assim este ano, com a nova união da ex-governadora Wilma de Faria e os primos Henrique Alves e Garibaldi Filho. Adversários históricos, estiveram juntos apenas em 2008, quando acabaram derrotados junto com Fátima Bezerra e a força presidencial de Lula da Silva.

Mas, se a poderosa coligação que está prestes a ser montada por Henrique é fruto destes acertos de última hora, do outro lado também não é muito diferente, embora estejam apenas dois partidos até agora. O próprio vice-governador Robinson Faria foi eleito em 2010, na chapa de Rosalba Ciarlini, de mãos dadas com Garibaldi e Agripino.

É por tudo isso que a declaração do deputado estadual José Dias, apesar de forte e certeira, também abre brecha para réplicas. Ora, se Henrique apoiou os últimos governos, o próprio parlamentar também esteve neles quando Garibaldi era o chefe do executivo e, por sua vez, também apoiou a ascensão de Rosalba, agora tão criticada.

Diante da falta de memória de Henrique, que só agora percebeu a crise antiga da saúde pública potiguar, como bem lembrou Zé Dias, também é de assustar que o vice-governador Robinson Faria, há mais de duas décadas com mandatos políticos no RN, não tenha percebido antes os mesmos problemas. Aliás, há quantos anos está o próprio deputado na Assembleia?

É por tudo isso que, no RN, as declarações políticas têm todas as chances de serem fortíssimas, mas sempre acabam deixando o espaço aberto para uma resposta de mesmo grau em sua própria direção. Mas, isso não impede que as frases sejam ditas, só exige coragem dos interlocutores.

IMPASSE NO DEM

Aos poucos, começa a vazar o conteúdo da tensa reunião realizada entre a governadora Rosalba Ciarlini e o senador José Agripino Maia. O que muitos tentaram pintar como início de um entendimento, na verdade passou longe disso. O parlamentar deixou bem claro que está praticamente fechada a aliança do DEM com o PMDB, de Henrique. A gestora, porém, colocou a importância de sua candidatura a reeleição.

FALTA DE VIABILIDADE

Agripino tem medo de perder os mandatos legislativos do seu partido no Rio Grande do Norte, tanto na Assembleia quanto na Câmara, daí a necessidade de uma aliança proporcional forte, como aparentemente será a do PMDB. O argumento da Rosa é simples, há como atrair outros partidos para viabilizar sua candidatura. Será?

LIDERANÇA

No final das contas, este colunista ousa arriscar que, o projeto de reeleição da governadora Rosalba Ciarlini está com os dias contados. Agripino convocou a executiva estadual do DEM para discutir o assunto e, dificilmente, os deputados ficarão contra a posição tomada pelo senador, mesmo com o líder do governo na Assembleia, Getúlio Rêgo, tendo anunciado seu apoio a Rosa.

VEM PRA RUA

Os jogadores convocados para a seleção brasileira, para a disputada Copa do Mundo, se apresentaram hoje pela manhã. E com direito a muitos protestos. Um grupo de 100 professores causou muito tumulto em frente ao hotel onde a delegação se apresentou no Rio de Janeiro. É importante que a população se manifeste da forma como deseja, mas, os jogadores não têm culpa do desastre que vive o país atualmente.

BANDEIRA

A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos informa que, como abordou esta coluna no último sábado (24), foi identificada a bandeira da Itália instalada ao contrário em uma das passarelas da BR-101. O órgão informa que, ainda no sábado, a posição foi corrigida. Agilidade que merece o registro. Agora sim a cidade está preparada para os turistas italianos. Pelo menos eles.

MERCADO

Grife que encantou o Brasil e o mundo com camisas de estilo inconfundível, a Dudalina inaugura, no próximo dia 29 de maio (quinta-feira), no terceiro piso do Shopping Midway Mall, sua segunda loja em Natal. A Dudalina será aberta ao público a partir das 15 horas e os primeiros 15 clientes serão premiados com um brinde especial.

CULTURA NA COPA

A Banda DUGIBA, regida pelo músico Gilberto Cabral, se prepara para a Copa do Mundo. O grupo foi selecionado no Concurso Cultura 2014, do Ministério da Cultura, para realizar apresentação e promover a cultura brasileira no período da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. Serão realizadas cinco apresentações, gratuitas, nos dias 12, 13, 19, 20 e 23 de junho, sempre após os jogos, no pátio da Fundação Cultural Capitania das Artes.

SERVIDORES

O Diário Oficial do Estado deste sábado (24) publicou a nomeação, em caráter efetivo, de 73 candidatos classificados em concurso público da Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap). Os convocados serão encaminhados para as regiões Metropolitana, Oeste, Alto Oeste, Agreste e Mato Grande.

GIRA MUNDO

A arrecadação de impostos e contribuições somou R$ 105,884 bilhões em abril e bateu recorde para o mês, apontam dados da Receita Federal. Houve alta real (com correção da inflação pelo IPCA) de 0,93% em relação a abril do ano passado. Em relação a março deste ano, a arrecadação apresentou alta real de 21,42%. A arrecadação das chamadas receitas administradas pela Receita Federal somou R$ 99,776 bilhões em abril. As demais receitas (taxas e contribuições recolhidas por outros órgãos) foram de R$ 6,109 bilhões.

Compartilhar: