Delegação da Bósnia é seguida e escapa de tentativa de assalto no Guarujá

Técnico e auxiliares caminhavam no calçadão quando três possíveis assaltantes se aproximaram. PM surgiu e os espantou

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A noite desse domingo quase resultou em um assalto à delegação da Bósnia e Herzegovina. Parte da comissão técnica da seleção caminhava na praia quando passou a ser seguida por três suspeitos e a Polícia Militar interveio para evitar que os europeus fossem abordados.

De acordo com a PM, o técnico Safet Susic e os auxiliares Elvir Baljic, Borce Sredojevic, Tomislav Piplica e Elvir Rahimic resolveram passear pelo litoral paulista e eram acompanhados por um trio de bicicleta. Quando decidiram se aproximar, foram surpreendidos por uma viatura que ligou a sirene. Os suspeitos se separaram por caminhos diferentes e nenhum deles foi preso.

Os passeios externos da seleção são acompanhados por forças de segurança, mas, não noite desse domingo, a própria delegação acabou gerando um problema na logística para protegê-la ao se dividir em, ao menos, três grupos que adotaram percursos diferentes de passeio.

Depois da tentativa de assalto, os membros da comissão técnica foram acompanhados de perto pela polícia até o hotel que os abriga, sem sofrerem mais nenhum susto. A seleção se prepara no litoral paulista para a sua primeira Copa do Mundo – estreia às 19 horas (de Brasília) de quinta-feira contra a Argentina, no Maracanã.

Fonte: IG

Compartilhar:
    Publicidade