Descoberto documentos e vídeos da participação de Pietro Ladogana

Delegado da Dehom do RN está na Itália investigando organização criminosa que atuava no Brasil

5u45u2u

A cooperação entre as Polícia Civil do Rio Grande do Norte/Brasil e a Polícia Carabinieri de Budoni/Itália, após o cumprimento de 11 Mandados de Busca e Apreensão, no último dia 26, nas residências dos sócios italianos das empresas de Pietro Ladogana, resultou na apreensão de cinco computadores, vinte aparelhos telefônicos celulares de diversas marcas e farta documentação em português e italiano das empresas Mobi 5 Construções, Tecnobloco Construções e Globo Construções, administradas por Pietro Ladogana no Brasil.

Todo material está sendo analisado pelos coordenadores das investigações, delegado Raimundo Rolim e Maresciallo Gianluca. Foram encontrados novos indícios da participação de Pietro Ladogana no homicídio que vitimou o italiano Enzo Albanese, em Natal, no dia dois de maio de 2014.

Durante as buscas, foi encontrado um arquivo digital em um dos computadores apreendidos, contendo um vídeo comprometedor, no qual Pietro Ladogana aparece conversando com outro italiano, no dia 21 abril de 2014, onze diass antes do assassinato. No vídeo, Ladogana revela de forma incontestável que Enzo Albanese teria descoberto tudo e que seria o primeiro a ser assassinado.

Nesta sexta-feira (27), Maresciallo Gianluca e o delegado Rolim realizaram o interrogatório de sete cidadãos italianos e, neste sábado (28), interrogaram mais quatro pessoas. Todos os depoimentos realizados na Itália serão traduzidos pela intérprete/tradutora oficial da Embaixada do Brasil na Itália, Patrícia Tavares, e serão encaminhados oficialmente para a Polícia Civil do Rio Grande do Norte, através do delegado Rolim, para subsidiar a investigação criminal realizada em Natal pela Delegacia Especializada de Homicídios.

Na próxima segunda-feira (30), o delegado Raimundo Rolim e o Maresciallo Gianluca Lombardi terão audiência oficial com o Procurador da República da Justiça de Nuoro/Sardenha, Doutor Andrea Vacca, a fim de efetivar e facilitar o intercâmbio de informações e documentos de interesse de ambas investigações, também será realizada uma videoconferência entre as autoridades judiciárias de Nuoro/Sardenha e Natal/RN.

 

 

Compartilhar: