Detento é encontrado morto em balde de lixo em presídio no Maranhão

Só em janeiro deste ano, quatro presos morreram dentro de penitenciárias no Estado

Presos no Complexo de Pedrinhas, no Maranhão. Foto:Divulgação
Presos no Complexo de Pedrinhas, no Maranhão. Foto:Divulgação

Na tarde desta quarta-feira, 22, o detento identificado como Cledeilson de Jesus Cunha foi encontrado morto dentro de um balde de lixo, na cela da Unidade Prisional de Ressocialização de Santa Inês, a 234km de São Luís. Em nota, a Secretaria de Estado de Justiça e de Administração Penitenciária (Sejap) informou que as causas da morte de Cledeilson serão apuradas e divulgadas nesta quinta.

Esta é contabilizada como a quarta morte dentro de presídios do estado, só em janeiro deste ano. As outras três aconteceram dentro do Complexo de Pedrinhas.

Outros casos

No início da manhã desta terça-feira, 21, um preso foi encontrado morto em uma cela do Centro de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ), uma das oito unidades prisionais do Complexo de Pedrinhas, em São Luís. Desde o ano passado, foram registradas 63 mortes de presos em Pedrinhas.

Na segunda-feira, 20, nove detentos do Complexo de Pedrinhas foram transferidos para o presídio federal de segurança máxima de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

A violência do presídio tomou as ruas de São Luís no início do ano e deixou vítimas. Uma criança de 6 anos morreu e outras quatro pessoas ficaram feridas após um ônibus ser incendiado por ordem de presos de Pedrinhas. O Ministério Público do Maranhão ofereceu denuncia contra sete pessoas pela morte da menina Ana Clara Souza.

Fonte:Estadão

Compartilhar:
    Publicidade