Devolução de verba federal para segurança pública é criticada por deputados

“A segurança pública é dever do Estado e o descumprimento desse dever é configurado ato de improbidade”, frisou Gustavo Carvalho

O deputado cobra explicações da governadora e seus auxiliares para o povo do RN. Foto:Divulgação
O deputado cobra explicações da governadora e seus auxiliares para o povo do RN. Foto:Divulgação

A segurança pública foi o tema do pronunciamento feito pelo deputado estadual Gustavo Carvalho (PROS), na manhã desta quinta-feira, na Assembleia Legislativa. O parlamentar cobrou mais explicações do governo federal com relação à devolução de verbas federais que deveriam ser destinadas a melhorias nesta área de segurança. Nos últimos três anos, municípios, estado e ONG’s devolveram R$ 12,08 milhões.

“Falar da segurança pública do estado é um assunto recorrente nesta Casa. Mas não posso me afastara da responsabilidade de debater a realidade caótica dessa área no Rio Grande do Norte. A segurança pública no RN está falida, a população vive com medo e insegura. Com sentimento de que não tem a quem pedir socorro. Estatísticas de assassinatos indicam que o número de 2014 passou os indicadores do mês de janeiro de 2013. O RN é vice-líder na devolução de recursos federais para melhorar os recursos nessa área”, destacou.

O deputado cobra explicações da governadora e seus auxiliares para o povo do RN. “A segurança pública é dever do Estado e o descumprimento desse dever é configurado ato de improbidade”, frisou.

Os deputados Fábio Dantas (PCdoB), Márcia Maia (PSB) e Tomba Farias (PSB) seguiram o pronunciamento de Gustavo Carvalho. “A Casa deve se unir para que a gente possa exigir do governo o cumprimento do que foi colocado para segurança e saúde. Devemos nos unir e pedir a realização de audiência pública ou formação de uma comissão para discutir para que não seja desperdiçada a verba do governo federal”, sugeriu.

Compartilhar:
    Publicidade