Dilma promete 3 milhões de contratos no Minha Casa, Minha Vida 3

Dilma disse que a meta está sendo estabelecida nos mesmos moldes que a segunda fase do programa habitacional que é uma das vitrines do governo federal

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Presidente Dilma Rousseff anunciou nesta quinta-feira que a terceira etapa do programa Minha Casa, Minha Vida terá como meta a contratação de 3 milhões de moradias. Segundo a presidente, a projeção é que a meta seja superada e chegue a 4 milhões de contratos – alcançando a promessa do pré-candidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos.

“Estamos propondo uma definição de 3 milhões. Fizemos uma sondagem e estamos em 3 milhões”, disse a presidente a uma plateia de empresários, sociedade civil e representantes do governo, reunidos no pleno do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES).

Dilma disse que a meta está sendo estabelecida nos mesmos moldes que a segunda fase do programa habitacional que é uma das vitrines do governo federal. “Achamos que é possível definir um montante inicial, tal qual como fizemos de 2010 para 2011 quando definimos  2 milhões e acabamos em 2,750 milhões de contratos”. Desta maneira, a presidente afirmou que a capacidade de ampliação da meta pode chegar a 4 milhões de contratos. “A meta é assim, quando você vê que vai cumprir, você amplia”, disse.

No mês passado, Eduardo Campos disse em um fórum da construção civil que, se eleito, construiria 4 milhões de casas populares. Dois dias antes, Dilma tinha anunciado o lançamento do Minha Casa, Minha Vida 3, mas adiou para estudar uma nova meta, frente à promessa do adversário.

Fonte: Terra

Compartilhar: