Eduardo Campos pode lançar candidatura presidencial no dia 15 de março

O pernambucano deve ter como vice a ex-senadora Marina Silva

6Y56Y56Y

A candidatura presidencial do governador Eduardo Campos (PSB) pode ser lançada oficialmente no dia 15 de março, quando o PSB realiza um dos seminários regionais para elaboração do plano de governo da sigla, no Rio de Janeiro. “Há uma tentação em fazer o lançamento no dia 15 para aproveitar o evento do Rio”, revelou uma fonte socialista ao Blog de Jamildo. No encontro também deve ser apresentado o candidato da sigla ao governo fluminense.

Outra possibilidade que vem sendo cogitada pela sigla é fazer o lançamento em São Paulo; em uma outra data. Essa estratégia permitiria que houvessem dois eventos políticos de peso para divulgar a figura de Campos no Sudeste, onde o candidato do PSB ainda é pouco conhecido. Nesse cenário, o evento no Rio serviria apenas para apresentar o palanque local.

 

Nessa quinta-feira (27), em entrevista à Rédio JC News, o ex-ministro e candidato ao Senado Fernando Bezerra Coelho (PSB) revelou que o governador está animado com a possibilidade de vencer a eleição e cogita inclusive ser o mais votado já no primeiro turno. No mesmo dia, o candidato de Campos à sucessão estadual afirmou acreditar na vitória do governador.

O pernambucano deve ter como vice a ex-senadora Marina Silva, que ingressou no PSB depois de ter o registro de seu partido, a Rede Sustentabilidade, recusado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em outubro do ano passado.

PSB, Rede e PPS formam hoje uma aliança que se diz programática, sustentava no slogan da “nova política”. Além do Rio, o trio realiza outros três encontros regionais em Abril: em Goiânia (dia 12), no Recife (dia 22) e em Manaus (dia 26).

Compartilhar:
    Publicidade