Em clássico, Barça e Atlético de Madri decidem 1º turno do Espanhol

O Real Madrid aparece em terceiro lugar, com cinco pontos a menos

Empatados na liderança do Campeonato Espanhol, Barcelona e Atlético de Madri duelam neste sábado pelo título simbólico do primeiro turno, no estádio Vicente Calderón, na capital.

Ambos têm 49 pontos, com 16 vitórias, um empate e uma derrota. O Barça, com cinco gols a mais de saldo, permanecerá na frente se empatar.

O Real Madrid aparece em terceiro lugar, com cinco pontos a menos.

Nos últimos 27 anos, por 21 vezes o melhor time do primeiro turno terminou com a taça. Nos 82 campeonatos, isso se repetiu em 44 edições, ou seja, 53,65%.

Messi conduz a bola no clássico contra o Atlético, pela Supercopa da Espanha, em Madri. Foto: Gerardo Julien-21.ago.2013/AFP
Messi conduz a bola no clássico contra o Atlético, pela Supercopa da Espanha, em Madri. Foto: Gerardo Julien-21.ago.2013/AFP

Nesta 19ª rodada, no confronto de treinadores argentinos, Diego Simeone promete escalar os habituais titulares atleticanos, enquanto Gerardo Martino não confirma a presença de Messi e Neymar.

Quarta-feira, o craque da Argentina voltou de lesão após quase dois meses, jogou os 30 minutos finais e marcou dois gols na vitória por 4 a 0 sobre o Getafe, pela Copa do Rei. O atacante brasileiro foi desfalque por causa de problemas estomacais. O lateral Daniel Alves, gripado, também.

O zagueiro Miranda, o lateral esquerdo Filipe Luís e o goleador Diego Costa, que trocou a seleção brasileira pela espanhola, devem atuar pelo time anfitrião.

 

REENCONTRO

Barcelona e Atlético decidiram a Supercopa no início desta temporada, em agosto, e empataram por 1 a 1 e 0 a 0. O gol de Neymar fora de casa garantiu o troféu.

O clube da Catalunha possui o melhor ataque do Espanhol, com 53 gols. A equipe de Madri conta com a melhor defesa, vazada 11 vezes.

O Barça só desperdiçou pontos na derrota por 1 a 0 diante do Athletic Bilbao e no empate sem gols contra o Osasuna, ambos longe de seu estádio.

Os atleticanos empataram por 1 a 1 com o Villarreal e caíram por 1 a 0 diante do Espanyol, nas duas vezes como visitante.

“Eles têm individualmente melhores jogadores, sem dúvida. Real Madrid e Barça têm melhores jogadores. Porém trabalhamos em grupo, para sermos compactos, e nessas partidas nos sentimos fortes, talvez seja uma das possibilidades para amanhã (neste sábado)”, opinou o técnico atleticano Simeone.

O barcelonista Martino admitiu a importância do jogo, principalmente o ânimo que dará ao eventual vencedor, mas minimizou o caráter decisivo e argumentou que o derrotado terá todo o returno para se recuperar na luta pelo título, apenas três pontos atrás.

Vice-artilheiro com 18 gols, um a menos do que o madridista Cristiano Ronaldo, Diego Costa foi xingado por torcedores do Valencia, no empate por 1 a 1, terça-feira, fora de casa. Gritaram que ele não é espanhol, mas o técnico da seleção, Vicente del Bosque, minimizou as ofensas nesta sexta.

 

Fonte: Folha de SP

Compartilhar: