Empresas apostam em tecnologia e shows musicais para atrair público

Arena Pepper´s Hall: transmissão de jogos, bandas e Djs animam os torcedores

Peppers1

Restaurantes, lanchonetes, bares e espaços preparados especialmente para receber torcedores durante os jogos da Copa do Mundo tiveram suas expectativas cumpridas pelo menos nos primeiras partidas. É o caso da rede de fast food local Pittsburg.

Segundo Caio Carvalho, proprietário da empresa, houve um investimento de cerca de R$ 50 mil em treinamento de funcionários, expansão de uma das lojas e compra de novos equipamentos. “Na [unidade] Prudente de Morais, a gente fez umas mudanças na área anexa. Ficou completamente climatizada e ganhou mais 40 mesas”, explicou Carvalho.

Os funcionários também passaram por um curso de idiomas direcionado para o atendimento. “Nossa equipe de frente de loja, caixas e todo o pessoal do atendimento, também fez três meses de cursos de inglês. Foram mais ou menos 35 funcionários de todas as lojas”, acrescentou.

A rede de fast food também recorreu a tecnologia para atender aos estrangeiros. Além de um cardápio físico em inglês e português, o estabelecimento colocou a disposição da clientela um aplicativo que oferece o menu em inglês e espanhol. A tecnologia é ativada via QR code (o celular lê um código impresso que o direciona para o aplicativo).

Com uma unidade bem próxima da Arena, a lanchonete teve vantagens. “A gente acreditou nessa demanda. Nós ficamos até como ponto de encontro dos mexicanos aqui na Prudente de Morais. Eles começaram a chegar por volta das 8h e depois do jogo também ficaram por umas três horas”, contou Caio Carvalho.

O proprietário também espera compensar todo prejuízo causado durante as obras do Complexo Viário de Natal no entorno da Arena das Dunas e, principalmente, na Prudente de Morais. “Acho que tivemos um aumento no movimento de clientes até mais que 100%, porque numa sexta-feira às 8h da manhã praticamente não tínhamos ninguém”, analisou.

No entanto, o Pittsburg da Prudente de Morais não concentrou tantos brasileiros no dia do jogo da Seleção. Carvalho acredita que por ficar na área de restrição da Fifa, os locais pensaram que a lanchonete estaria fechada, mas isso não aconteceu.

Na BR 101, outro estabelecimento preparado exclusivamente para a Copa do Mundo também correspondeu às expectativas dos proprietários. É a Arena Peppers Hall. Segundo Ana Luíza Sinedino desde janeiro, a equipe da empresa For you Promo e da boate planejam a Copa do Mundo neste espaço.

“Na Copa de 2010, esse evento já foi um sucesso. E a gente já imaginava que seria assim”, disse. O espaço foi planejado para transmitir os jogos em telões e para que as pessoas também caiam na festa. “A programação começa uma hora antes do jogo e depois do jogo começam as bandas e nos intervalos entre das bandas tem um DJ”, acrescentou Ana Luíza. O espaço está programado para funcionar apenas durante a Copa do Mundo, com programação especial para os joggos do Brasil.

Compartilhar: