Está afim de estudar na Alemanha, Austrália, Espanha ou EUA? Saiba como.

Programa do governo federal oferece vagas de graduação em 14 países via CNPq

trjqwwuwr

O programa do governo federal Ciência Sem Fronteiras, que arca com bolsa para alunos brasileiros estudarem no exterior, está com inscrições abertas. Desde 2012, a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) já enviou 33 alunos para estudar em universidades no exterior.

Segundo a assessora de Relações Internacionais da UEMS, Silvana Moretti, é uma oportunidade para destacar a Universidade no mundo. “O programa faz com que as universidades saiam da zona de conforto, os alunos têm mais experiências com outras culturas e idiomas, além de levar o nome da Universidade e divulgar pesquisas realizadas”, disse a assessora.

O Ciência sem Fronteiras busca capacitar acadêmicos brasileiros na área de ciências e tecnologias, com isso alunos destas áreas da UEMS já foram para os Estados Unidos, Alemanha, Espanha, Portugal e outros países europeus. O aluno inscrito e habilitado é enviado para uma universidade, e durante o período que o acadêmico estiver no exterior receberá recursos do governo para se manter e adquirir materiais didáticos.

A nova seleção do Ciência sem Fronteiras oferece vagas de graduação-sanduíche em 14 países via CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico). Os destinos ofertados são Alemanha, Austrália, Bélgica, Canadá, Coreia do Sul, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Itália, Holanda, Nova Zelândia, Polônia e Reino Unido.

O período de inscrição vai do dia 16 agosto a 30 de setembro. O prazo final para envio de teste de proficiência será no dia 10 de outubro, com homologação prevista de 6 a 21 de outubro. As atividades no exterior terão início em setembro de 2015.

Para mais informações consulte a página do http://www.cienciasemfronteiras.gov.br/web/csf

Compartilhar:
    Publicidade