Português é preso pela PF no Augusto Severo com 2,7 kg de cocaína

Somente neste primeiro trimestre do ano, a Polícia Federal já prendeu três estrangeiros no aeroporto

O detido alegou não conhecer o dono da droga. Foto: Divulgação
O detido alegou não conhecer o dono da droga. Foto: Divulgação

A Polícia Federal prendeu na madrugada desta segunda-feira (31), no aeroporto Augusto Severo, em Parnamirim/RN, na Grande Natal, um designer gráfico, português, 38 anos, acusado de tráfico internacional de drogas. Com ele foram encontrados 2,70 quilos de cocaína camuflados numa mala.

A prisão aconteceu quando os policiais de plantão no aeroporto fiscalizavam os passageiros que seguiriam em um voo para Portugal e suspeitaram do conteúdo de uma bagagem submetida ao aparelho de raios-X. O dono da mala foi então identificado e convocado, na presença de testemunhas, para acompanhar uma revista, sendo a droga encontrada, em um fundo falso, envolvida em um saco plástico.

De imediato, o estrangeiro recebeu voz de prisão e seguiu para a Superintendência da PF no bairro de Lagoa Nova, onde foi autuado em flagrante delito.

Durante o interrogatório, o suspeito não forneceu maiores dados sobre quem lhe contratou, apenas disse que há dias conheceu ocasionalmente um homem de sotaque espanhol, na Praia de Pipa/RN e este lhe propôs levar uma mala contendo a droga até o aeroporto de Lisboa, onde ao desembarcar, seria procurado por uma pessoa que lhe gratificaria com a quantia de seis mil euros.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O acusado, que não possui antecedentes criminais, encontra-se sob custódia na sede da PF, à disposição da justiça, e deverá ser transferido nas próximas horas para o Centro de Detenção Provisório de Natal.

Somente neste primeiro trimestre do ano, a Polícia Federal já prendeu três estrangeiros no aeroporto Augusto Severo acusados de tráfico de drogas e apreendeu cerca de 11 quilos de cocaína que seriam levados para países da Europa.

Fonte: PF/RN

Compartilhar: