Estuprador faz chantagem ameaçando mostrar gravação aos pais

Rapaz acabou sendo denunciado e agora ficará 17 anos atrás das grades

Depois de uma briga, um amigo da vítima de convenceu de denunciar o estuprador. O rapaz foi preso, e agora ficará 17 anos atrás das grades. Foto:Divulgação
Depois de uma briga, um amigo da vítima de convenceu de denunciar o estuprador. O rapaz foi preso, e agora ficará 17 anos atrás das grades. Foto:Divulgação

Um estuprador que usou de chantagem emocional para realizar um abuso em uma adolescente foi preso por 17 anos. Mohammed Fakhrul Islam, de 33 anos, foi condenado na Snaresbrook Crown Court, leste de Londres, depois de ter sido considerado culpado de três acusações de estupro e outras alegações envolvendo atos íntimos.

Ele controlava uma vítima que teve contato em 2008 em Bangladesh. Quando ela se mudou para o Reino Unido, em 2010, eles se aproximaram ainda mais. Assim, o agressor ameaçou ligar para os pais da adolescente para informar que eles tinham um caso, o que arruinaria sua reputação.
Com medo, a vítima procurou ajuda em um dos amigos de seu agressor, mas este se recusou. O agressor arrastou a jovem para um quarto e cometeu o abuso, filmando tudo com um celular. Depois disso, começaram as ameaças dele, que dizia que enviaria a filmagem do ato íntimo aos pais da adolescente, caso não fizesse o que ele pedisse.
O estuprador ameaçou matar a vítima, caso ela saísse com outro homem. Ele cometeu a agressão pela segunda vez e novamente gravou tudo. Em fevereiro de 2013, a vítima começou a sofrer de depressão grave, como resultado do abuso que sofria.
Fonte;R7
Compartilhar: