Ex-vencedores do BBB entram na política com menos dinheiro

Diego Alemão, candidato a deputado federal pelo PV-RJ, declarou 883 000 reais em bens

reger

Entre os quatro vencedores do Big Brother Brasil que concorrerão nas eleições deste ano, apenas Jean Wyllys está com uma renda maior do que o prêmio ganho no programa. O socialista, candidato à reeleição, tem 1,1 milhão de reais em bens, divididos em três imóveis e um carro.

Candidato à Assembleia do Mato Grosso do Sul pelo PSB, Fael Cordeiro faturou 1,5 milhão de reais no reality show em 2012 e declarou patrimônio de 1 491 301 reais ao TSE. Diego Alemão, candidato a deputado federal pelo PV-RJ, declarou 883 000 reais em bens. Já Kleber Bambam, candidato a deputado estadual pelo PRB-SP, é o mais “pobre” do trio – tem 356 000 reais de patrimônio.

Compartilhar:
    Publicidade