Família prepara armadilha com câmera e flagra tio estuprando sobrinhas

Os abusos aconteciam na casa da avó das meninas em Varginha, no sul de Minas

Homem confessou o crime em depoimento, de acordo com a polícia. Foto: Divulgação
Homem confessou o crime em depoimento, de acordo com a polícia. Foto: Divulgação

Foi preso um homem acusado de estuprar três sobrinhas em Varginha, no sul de Minas Gerais. A família do taxista Antônio das Graças Ramos, de 43 anos, instalou uma câmera escondida na sala da casa da avó das meninas e flagrou os abusos.

As duas gêmeas de 10 anos e a irmã de 13 moram com a avó. O tio, que é padrinho de uma das meninas frequentava muito a casa. Os parentes começaram a suspeitar do homem quando ele foi visto olhando pela janela do banheiro enquanto uma das vítimas tomava banho.

Para prender o taxista os policiais pediram uma corrida partindo de um hospital próximo à delegacia. Assim que Ramos chegou ao local foi dada a voz de prisão e o acusado não reagiu, segundo os policiais civis. Em depoimento ele confessou parte dos crimes.

O homem está em prisão temporária por 30 dias até que seja finalizado o inquérito policial.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade