Federação Portuguesa nega suposto gesto obsceno de jogador ao árbitro

Segundo a entidade, Raúl Meireles mostrou os dedos indicadores, e não os médios, para passar instruções a colega

Suposto gesto obsceno de Raúl Meireles. Foto: Divulgação
Suposto gesto obsceno de Raúl Meireles. Foto: Divulgação

A FPF (Federação Portuguesa de Futebol) emitiu um comunicado desmentindo um suposto gesto obsceno de Raúl Meireles ao árbitro da partida contra a Alemanha, logo após a expulsão do zagueiro Pepe.

A imagem do atleta com um dedo de cada mão em riste correu as redes sociais, deixando a dúvida de se tratar de um gesto obsceno, com os dedos médios levantados. Na verdade, segundo a FPF, Raúl Meireles esticou os dedos indicadores para passar instruções a um colega de time.

“A FPF, ao contrário do que foi veiculado na comunicação social e redes sociais, desmente taxativamente que o atleta Raúl Meireles tenha feito qualquer gesto incorreto na sequência da amostragem do cartão vermelho ao colega Pepe”, disse a entidade.

“Lamentamos a especulação que poderia prejudicar gravemente os interesses do jogador e da Seleção Nacional. O gesto, mal interpretado, se dirigia ao colega Bruno Alves. Raúl Meireles apenas explicava que recuaria para a posição de defesa central, passando a jogar do lado direito do eixo defensivo”, completou.

Fonte: IG

Compartilhar: