“Feia pra c…“, diz Alexandre Kalil sobre torcedora gremista racista

Torcida do Grêmio recentemente ironizou a morte do atacante do Internacional, Fernandão

Presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, manifestou seu apoio ao goleiro Aranha. Foto: Divulgação
Presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, manifestou seu apoio ao goleiro Aranha. Foto: Divulgação

O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, utilizou sua conta no Twitter para manifestar seu apoio ao goleiro Aranha, alvo de insultos racistas na partida entre Grêmio e Santos, no Rio Grande do Sul, válido pela Copa do Brasil. O mandatário alvinegro chamou a torcedora de feia em seu texto.

“Que bobagem, uma babaca feia pra c… chamando um atleta de macaco. P… que pariu, como ela é feia!”, postou o atleticano. A mensagem rapidamente foi compartilhada e curtida por torcedores.

Não é a primeira vez que Kalil demostra seu apoio contra o racismo. Quando o volante Tinga, do Cruzeiro, esteve também envolvido em situação parecida, o presidente atleticano, também pelo Twitter, criticou os torcedores do Real Garcilaso que imitaram macacos nas arquibancadas.

Já os torcedores do Grêmio têm se envolvido em polêmicas constantemente. Além do racismo, recentemente ironizou a morte do atacante Fernandão, ídolo do rival Internacional, e há dois anos também insultou Ronaldinho e sua mãe que na época tratava de uma doença.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade