Felipão manda críticos para o inferno e reafirma que Brasil está com mão na taça

Técnico reitera declarações de Parreira de antes da Copa e mantém discurso otimista em relação a título

Técnico Luiz Felipe Scolari voltou a dizer que seleção está perto do título. Foto:  Divulgação
Técnico Luiz Felipe Scolari voltou a dizer que seleção está perto do título. Foto: Divulgação

Uma conversa entre Luiz Felipe Scolari com seis jornalistas escolhidos a dedo pelo seu assessor de imprensa na última segunda-feira dominou a coletiva de imprensa dada pelo técnico nesta quinta-feira no Castelão, em Fortaleza, palco do jogo entre Brasil e Colômbia na sexta pelas quartas de final da Copa do Mundo.

O técnico minimizou o encontro. Disse que gosta de conversar com amigos da imprensa desde seus primeiros trabalhos e de ouvir dicas desses profissionais. “Posso levar em consideração ou não”, disse. Aos insatisfeitos com essa relação dele com alguns repórteres, o técnico mandou o recado. “Eu sempre fiz isso, gente. Não vou ser pautado por A ou B. Vou fazer do meu jeito. Gostou, gostou. Se não gostou vai para o inferno”, disse.

O técnico anda insatisfeito com o rendimento do time que bancou desde o fim da Copa das Confederações e quis ouvir de alguns amigos da imprensa algumas opiniões que o fizessem encontrar uma forma de fazer o time melhorar. A única mudança no time que pega a Colômbia, contudo, deve ser a mais óbvia. Paulinho entra no lugar de Luiz Gustavo, suspenso, e forma o meio campo ao lado de Fernandinho e Oscar.

Felipão manteve um discurso otimista em relação à conquista da Copa do Mundo, ainda que faltem três jogos pela frente. Repetiu o que disse seu auxiliar Carlos Alberto Parreira antes da Copa do Mundo. O campeão do mundo em 1994 disse que o Brasil já tinha uma mão na taça.

“Mão na taça? Continua igual. Vamos para o quinto passo. Vamos pro quinto jogo. As declarações do Parreira foram espetaculares. Não poderia ser diferente. Nosso torcedor não espera nada diferente que não estarmos na final. Temos tudo traçado do que queremos e onde vamos atingir. Continuamos com esse mesmo discurso”, disse o treinador.

Fonte: IG

Compartilhar:
    Publicidade